O corrimento vaginal branco costuma surgir poucos dias antes da menstruação e faz partes das alterações normais do ciclo menstrual. Quando esse corrimento é fino, leitoso ou pastoso e em pouca quantidade, sem mau cheiro ou irritação, é um corrimento normal, ligado à fisiologia natural de toda mulher. Não há motivo para maiores preocupações, a não ser que o corrimento tenha mau cheiro e haja coceira, o que pode significar uma candidíase ou vaginose bacteriana.

Os corrimentos mais comuns são decorrentes pela infecção causada por um fungo chamado Candida, que dá nas paredes vaginais, provocando um corrimento tipo "nata de leite", sem mau odor, mas com coceira vaginal e vulvar.

Publicidade
Publicidade

Há também a vaginose bacteriana, que é uma infecção causada por bactérias que se alojam na #vagina, sendo a mais comum a Garnerella vaginallis, onde o corrimento é abundante, de coloração branco-acinzentada, com odor fétido, semelhante a 'peixe-podre', mas sem coceira ou prurido.

A Tricomoníase provocada por um protozoário que se transmite nas relações sexuais, é um corrimento abundante, de coloração amarelo-esverdeada, de mau odor, com algum prurido e dor pélvica.

Quando a mulher toma antibióticos por tempo prolongado, suas defesas tendem a cair e podem ocorrer infecções vaginais.

O uso frequente de duchas, expondo a vagina a novos produtos, podem irritá-la, provocando corrimento vaginal branco.

O corrimento na mulher também pode ser por falta de #higiene. No entanto, é preciso diferenciar corrimento "doença" da secreção vaginal normal, pois toda mulher tem um pouco de secreção branca fluida, sem mau cheiro, o que é bom para mantê-la lubrificada.

Publicidade

De 10 a 14 dias antes da menstruação, há uma grande liberação de muco, o que facilita as relações sexuais e a subida os espermatozoides para que haja a fecundação.

Secreções vaginais sem odor fétido, de coloração branca ou clara–transparente, sem prurido ou coceira, são normais, podendo fazer parte do ciclo menstrual da mulher ou serem decorrentes do uso ou não de anti-concepcionais. O corrimento vaginal branco também pode ser causado por estresse e ansiedade.