A redução de custos é uma preocupação constante de qualquer empresa, independentemente do setor. Essa é uma das maneiras de conseguir aumentar o lucro, sobreviver às crises econômicas e até conseguir ter dinheiro em caixa para um novo investimento interno. Para isso, além de se preocupar com economia de material e redução da folha de pagamento, através de um melhor manejo de funcionários e redução de horas extras, é preciso ter atenção a gastos pontuais como o consumo de energia. Você já analisou o consumo de energia elétrica da sua empresa?

Consumo de energia elétrica da sua empresa

A redução do consumo de energia é uma forma de reduzir custos, e também de se colocar como destaque em um mercado que hoje se preocupa com a sustentabilidade.

Publicidade
Publicidade

Com isso, além da parte financeira, você ganha um destaque por ser uma empresa que se preocupa com o meio ambiente e com a sustentabilidade.

Para que tudo isso seja possível, é preciso monitorar, medir e entender o uso da energia em seu sistema de produção. Um mapeamento interno do gasto é necessário para fazer uma análise real da situação de consumo local. Qual o setor que tem mais gasto? Por que isso acontece? Essas perguntas precisam ser respondidas para que depois uma estratégia de redução de consumo possa ser definida. Muitas vezes, o remanejamento de horário de trabalho já contribui para essa redução.

O grupo Gerdau apostou nessa preocupação e conseguiu economizar 36 milhões entre 2012 até o fim de 2013, o que equivale a uma redução de custos de 2,5% do que seria gasto no mesmo período.

Publicidade

A empresa lançou mão de um projeto de eficiência energética executado em todas as siderúrgicas. O trabalho consistiu em uma análise diagnóstica que resultou em mais de 1,3 mil ações de alteração para aperfeiçoamento de processos em equipamentos auxiliares à produção de aço.

Como funciona esse controle em sua empresa? Você se preocupam com o gasto energético? Isso começou por questões ambientais ou econômicas? Conte esses detalhes pra gente nos comentários! #Negócios #Dicas