A profissão de educador não é fácil. Na última quarta-feira (13), em Suzano (SP), dois atiradores invadiram a Escola Estadual Professor Raul Brasil e mataram cinco alunos e duas funcionárias. A história agora vem do DF, onde um educador armado, invadiu a Secretaria de Educação do DF armado com uma besta, arma também usada pelos assassinos de Suzano. A entrada do homem causou pânico total no prédio nesta sexta-feira (15).

Publicidade
Publicidade

O professor adentrou o prédio em um bairro central do Plano Piloto armado, além da besta, também com uma faca de caça e seis flechas. O profissional da educação chegou a subir até o 12º andar, local onde Rafael Parente, o secretário de educação do DF, tem seu escritório. A autoridade não estava no local, pois seguiu para uma reunião na residência do governador, Ibaneis Rocha (MDB).

Alguns funcionários do local acabaram percebendo que parte da arma, a besta, estava para fora da mochila e logo acionaram a PM, que chegou rápido e deteve o suspeito, antes mesmo que ele pudesse sacar a arma e ferir alguém. O suspeito tem 54 anos e foi conduzido à delegacia para prestar esclarecimentos.

Publicidade

Professor de violino adentra andar onde fica escritório do Secretário de Educação do DF

Segundo informações da secretaria, o homem de 54 anos é professor de violino na Escola de Música de Brasília e já tinha histórico de problemas psiquiátricos. Ele estaria doente por conta de sua atividade profissional e não teve o nome divulgado.

O pânico tomou conta de funcionários que estavam no prédio. Foram cerca de 10 minutos de muito pavor no local.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Polícia Educação

Os seguranças do prédio deram cobertura para quem estava no local poder sair e seguir para suas casas. Eles foram liberados de parte do expediente desta sexta.

O professor teve se afastamento imediato das funções e um processo administrativo será aberto contra ele.

Secretário dispensou funcionários em comunicado no Twitter

O Secretário de Educação do DF liberou os servidores que trabalham na sede da secretaria na tarde desta sexta e informou quem, a partir de segunda (18), novas implementações de segurança serão adotadas no prédio que fica na região central de Brasília, muito próximo ao Conjunto Nacional, tradicional shopping da capital federal e também muito próximo à Esplanada dos Ministérios.

Veja o comunicado oficial da autoridade.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo