Durante a noite do último sábado (9), uma menina de apenas 6 anos de idade morreu depois de cair acidentalmente dentro de uma fossa, junto com seus pais, localizada em um sítio em Bairrinho, na zona rural de Artur Nogueira, no interior de São Paulo.

O boletim de ocorrência relatou que a menina Nicolli Ayumi Inoquen Capriano e seus pais acabaram caindo em um reservatório de despejos da fazenda após a laje de concreto que tampava o buraco acabar quebrando devido ao peso dos corpos.

Depois que a laje de concreto se rompeu, fez com que acabasse caindo sobre a pequena garota um grande pedaço da laje.

Os pais da criança tiveram ferimentos e foram levados até o hospital de Cosmópolis. Eles não conseguiram remover a laje de cima da garota, nem mesmo quando tiveram a ajuda dos oficiais municipais, que foram acionados durante esse caso.

Nicolli só foi retirada do buraco quando um dos vizinhos da fazenda conseguiu drenar o local com uma bomba, e contou também com a ajuda dos Bombeiros das cidades vizinhas de Paulínia e Campinas. Os bombeiros descerram até o fundo da fossa com a ajuda de uma escada e conseguiram remover a menina do local, como relatou um dos oficiais que participou da missão em resgate da criança.

Os bombeiros que foram até o local em que ocorreu o acidente relataram que a fossa tem entre três a quatro metros de profundidade e até 2,5 metros de diâmetro.

Colhendo frutas

O poço fica localizado ao lado de um pé de abacate e de um pé de goiaba, junto com a tampa de concreto, que tinha a função de impedir que pessoas caíssem no local.

Uma reportagem da EPTV, afiliada da Rede Globo na região, relatou que a família estava tentando colher as frutas dos pés localizados ao lado da fossa quando ocorreu o acidente.

Nicolli foi levada ao hospital, porém já chegou no local sem vida. A menina morreu de afogamento, segundo a prefeitura local.

O corpo da pequena Nicolli ficou no Instituto Médico Legal (IML) da cidade de Americana. A funerária que cuidou do corpo relatou que ela foi levada durante a manhã até Vargem Grande Paulista, onde ocorreu o sepultamento nesse domingo (10).

O plantão policial de Artur Nogueira registou todo o caso como morte suspeita.

Siga a página Polícia
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!