No Dia Internacional da Mulher, sexta-feira passada (8), Carine Alves Lobo, 29 anos, foi encontrada estrangulada. A Polícia suspeita de mais um envolvido no caso. A mulher foi encontrada dentro de um carro no bairro Padre Miguel, na zona oeste do Rio, envolvida em um lençol.

Em depoimento à polícia, o ex- companheiro da vítima Evânio Oliveira Santos, de 41 anos, confessou o crime e disse que pagou R$ 150 para um homem, conhecido como Luisinho, ocultar o corpo da vítima. Evânio já teria várias passagens pela polícia, incluindo roubo e também violência contra a mulher, e ainda usava uma tornozeleira eletrônica.

Motivação do Crime

Segundo a polícia, Evânio não aceitava o fim do relacionamento do casal, que durou cinco anos. Um fato curioso que envolve toda essa história é que eles se casaram há poucos meses e logo em seguida ela pediu o divórcio. Empresária, a mulher possuía dois salões de beleza. A cabeleireira teria colocado um fim no relacionamento há cerca de 7 meses e, segundo informações da família, ela já se encontrava em outro relacionamento.

O câncer de ovário teria sido o início de tudo

Ainda segundo a família a cabeleireira Carine Alves Lobo teve câncer de ovário e quando o esposo soube, não quis mais o relacionamento levando para dentro de casa uma nova companheira. Amigas e familiares relatam que apesar de Evânio Oliveira Santos ser um homem muito calado, era muito agressivo e diversas vezes eles presenciaram agressões do indivíduo contra a cabeleireira.

Carine passou por quimioterapia, venceu o câncer e depois não quis saber mais saber do seu ex-companheiro.

O sepultamento

Em meio de grande comoção, Carine foi sepultada na tarde deste domingo no cemitério do Caju, no Rio. Um fato inusitado aconteceu ali no momento de seu sepultamento, uma de suas amigas, bastante íntima, pediu que falasse algo e fez um discurso comovente pedindo aos homens Clemência e que parem de matar as mulheres.

Neste momento foi grande a comoção no local. Discurso que pegou todos de surpresa no cemitério.

Siga a página Polícia
Seguir
Siga a página Mulher
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!