Valmor Gomes Morais, o cônsul honorário do Brasil em Queensland, Austrália, afirmou que foi exonerado do cargo nesta última quinta-feira (18), pouco menos de uma semana após ter feito críticas ao ex-juiz e atual ministro da Justiça e Segurança Pública do Governo Jair Bolsonaro, Sérgio Moro, em seu perfil no Facebook. A informação foi divulgada pela BBC Brasil.

De acordo com Morais, ele tomou conhecimento de sua demissão pelo Diário Oficial. A demissão teria sido o resultado de ações tomadas por bolsonaristas, que teriam se queixado na ouvidoria do Consulado-Geral do Brasil em Sydney.

Morais afirma que não teve chance para defesa

Morais disse ter tomado conhecimento da publicação de sua exoneração no Diário Oficial através de uma amiga que lhe ligou e deu a notícia.

Morais alegou que não houve uma troca de e-mails, um telefonema que lhe desse a chance para que ele oferecesse o contraditório.

O cargo de cônsul honorário geralmente costuma ser ocupado por quem não é diplomata ou servidor público, o que é o caso de Valmor Gomes Morais e também trata-se de cargo não remunerado.

Segundo Morais, que é advogado, o motivo de sua exoneração do cargo, foi que ele afirmou em suas redes sociais que as declarações entre o ex-juiz Moro e o procurador da Operação Lava-Jato, Deltan Dallagnol, divulgados pelo site The Intercept Brasil, não seriam aceitas na Austrália. Morais disse ainda que não é saudável para a democracia que haja diálogo entre o promotor e o juiz de um caso.

Valmor disse que usou o emoji que mostra uma pessoa com a mão na testa e que não julgou Sérgio Moro, ele afirma ainda que sempre foi uma das pessoas que sempre apoiaram a Operação Lava-Jato.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Lava Jato Jair Bolsonaro

Morais afirmou que suas declarações nas redes sociais fez com que o embaixador brasileiro no país, Sérgio Bath, ligasse para ele pedindo para que não expressasse opiniões pessoais nas redes sociais. Ele disse que o embaixador ligou para ele no começo da semana e lhe perguntou se estava acontecendo algo em Brisbane (capital de Queensland, onde fica fica localizado o consulado-honorário).

Perguntado pelo embaixador brasileiro se havia alguma movimentação estranha, Morais respondeu que um post que ele, Morais, colocou no Facebook, havia causado alvoroço.

Depois que Sérgio Bath pediu para que o ex-cônsul, não se manifestasse nas redes sociais sobre os acontecimentos envolvendo o ex-juiz e atual ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro, Valmor Gomes Morais disse que apagou o post que havia colocado comentando o caso.

Além de apagar a publicação, Valmor fez outro post em que dizia que não aceitaria pessoas lhe xingando pelas redes sociais, que não poderia tolerar essas coisas e que as pessoas deveriam expressar sua raiva em outro lugar.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo