No último dia 24 de junho, Rogério dos Santos Silva, frequentador da igreja de Flordelis e do pastor Anderson do Carmo, prestou depoimento à Polícia. Rogério, que é casado, afirma ter tido um Relacionamento extraconjugal com Simone dos Santos, filha biológica de Flordelis, no início do ano passado. Segundo ele, Simone teria lhe confidenciado o desejo de assassinar Anderson do Carmo.

O membro da igreja contou à polícia que a relação extraconjugal teria durado cerca de 5 meses, e que, nesta época, teria recebido uma ligação de Simone, onde ela aparentava estar com muita raiva do pastor.

A filha de Flordelis teria lhe dito que Anderson do Carmo havia lhe agredido durante uma briga de família. Recentemente, Flordelis foi acusada por um de seus filhos adotivos, o vereador de São Gonçalo Wagner Andrade Pimenta, conhecido como Misael, de ter sido a mentora intelectual do assassinato de Anderson do Carmo.

Amante executaria o crime

De acordo com o jornal Extra, Rogério dos Santos afirmou que Simone, filha de Flordelis, teria dito durante uma ligação que tiraria a vida do pastor Anderson do Carmo.

"Vou matar esse demônio, a gente não aguenta mais. Minha mãe não aguenta mais", teria dito a filha da deputada durante a conversa. Rogério contou à polícia que teria se oferecido para executar o crime e que Simone teria questionado se ele teria coragem para tal, recebendo uma resposta positiva de sua parte.

Ainda segundo o depoimento na Delegacia de Homicídios de Niterói e São Gonçalo, uma semana após a conversa, Simone teria dito a Rogério que teria conseguido uma arma, ao que ele teria respondido que pensaria em uma forma de executar o crime.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Polícia Relacionamento

Rogério revelou, ainda, que Flordelis sabia da vontade da filha de assassinar Anderson do Carmo. Simone dos Santos teria confidenciado a Rogério que o pastor teria o comportamento de um ditador perante a família, controlando todo o dinheiro da casa.

A filha da deputada também revelou que já vinha tentando tirar a vida do pastor há algum tempo, colocando veneno em seus alimentos. A mãe do pastor Anderson do Carmo, Maria Edna do Carmo, contou em depoimento à polícia que Anderson e Simone já haviam namorado antes do pastor se casar com Flordelis, mas que haviam boatos de que os dois ainda mantinham uma relação extraconjugal.

Filho acusa deputada pelo crime

Ainda segundo o jornal Extra, Misael acusou em depoimento a mãe de ser a mentora intelectual do assassinato de Anderson do Carmo. Segundo o vereador de São Gonçalo, a deputada teria manipulado os filhos, até que um deles tivesse coragem de tirar a vida do pastor. Segundo nota divulgada pela assessoria de imprensa de Flordelis na última terça-feira (21), as acusações feitas pelo filho são inverídicas e se tratam de disputa política.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo