Dois homens armados com facas se deram muito mal ao assaltarem uma lanchonete na cidade de Itapetininga, no interior de São Paulo, na noite da última terça-feira (17). Ao anunciarem o assalto, eles foram recebidos a cadeirada por um funcionário. Câmeras de segurança registraram toda a ação.

As imagens mostram um casal esperando seu pedido e dois chapeiros preparando o lanche. De repente outro cliente entra correndo no estabelecimento, seguido dos dois criminosos com facas em punho e um deles com o rosto coberto com uma camiseta.

Um dos funcionários pega uma cadeira de plástico e arremessa contra o bandido e depois sai correndo. Uma cliente sai pela janela do estabelecimento. A dupla vasculha o local em busca de algo de valor e nada encontra, fugindo a pé. Ninguém ficou ferido.

Segundo informações passadas pela Polícia Militar, os dois foram presos pouco tempo depois, no bairro Vila Arruda, e foram levados para delegacia de Itapetininga e posteriormente ao Centro de Detenção Provisória de Capela do Alto. Eles têm 21 e 20 anos de idade, de acordo com a PM.

Outros dois casos

A mesma rede de lanchonetes sofreu outras duas tentativas de roubo em pouco mais de um ano. O anterior à de terça-feira ocorreu em abril passado, quando os funcionários também reagiram e frustraram a ação, que foi registrada por câmeras de segurança.

As imagens mostraram dois funcionários conversando quando dois rapazes entram, anunciam o assalto e começam a recolher os pertences dos clientes.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Polícia

Os dois funcionários partem para cima dos bandidos e os quatro entram em luta corporal. Um deles consegue escapar, enquanto outro, que era um adolescente, acaba sendo detido pelos clientes.

Os policiais que passavam em uma viatura em frente ao local viram o jovem sendo seguro pelos clientes e o levaram para a delegacia. Ele estava com uma pistola e um tiro chegou a ser disparado.

Já em agosto de 2018, um homem armado com uma faca invadiu outra unidade da rede, mas acabou sendo imobilizado por dois funcionários.

Essa tentativa de roubo também teve registros de câmeras de segurança e mostraram um funcionário derrubando o invasor no chão e em seguida outro chegando para ajudar. Eles imobilizaram o homem até a chegada da polícia, que prendeu o suspeito. Ninguém ficou ferido na ação.

Receio de trabalhar

Em entrevista condida ao portal G1, o gerente de uma das lanchonetes da rede disse que tem receio de trabalhar por conta das tentativas de roubo.

“A gente sai de casa para ganhar dinheiro, quando alguém chega e rouba tudo”, disse Kaique Oliveira. Para ele, o fluxo rápido de clientes que passa pelas lanchonetes facilita a ação dos criminosos.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo