Uma menina de apenas 5 anos morreu na manhã desta quarta-feira (30), em Betim (MG), após ser ataca por um homem a golpes de faca. Além da menina, a mulher que a levava para a Escola também foi atacada, mas resistiu aos ferimentos. De acordo com informações da Polícia Militar, o jovem Moabe Edon Pinto Nogueira Souto, de 25 anos, foi preso suspeito do crime.

O suspeito, que estava usando uma tornozeleira eletrônica, chegou a dizer aos policiais que cometeu o crime a mando de uma entidade.

O crime aconteceu em frente à escola particular Colégio Neuza Dutra, localizada no bairro Vila Cristina. A menina estava acompanhada por uma babá, que, segundo informações, tentou defendê-la do suspeito.

Populares tentam linchar o suspeito

De acordo com informações de vizinhos, passadas ao portal G1, populares tentaram linchar Moabe antes dele ser preso. O boletim de ocorrência confirma as informações, já que diz que o suspeito foi encontrado ferido pelos policiais. Desta forma, o jovem foi encaminhado a uma UPA (Unidade de Pronto Atendimento), onde passou por uma consulta médica devido a algumas lesões leves.

Ainda de acordo com o G1, Moabe chegou a dizer dentro da viatura que havia surtado e que estava fazendo um pacto com o diabo. No pronto atendimento, o suspeito disse também que passou toda a noite consumindo crack. O suspeito foi conduzido a um batalhão da Polícia Militar, onde permanecerá à disposição da Justiça.

O caso será investigado pela Delegacia Especializada de Homicídio do município de Betim.

Após o crime, o Colégio Neuza Dutra continuou com suas atividades normais. A menina era moradora do bairro, porém, não estudava nesta instituição de ensino.

Siga a página Polícia
Seguir
Siga a página Escola
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!