A partir do dia 20 de abril, o morador que sair na rua sem máscara de proteção poderá ser multado. A determinação partiu da prefeitura de Porto Feliz, cidade que fica na Região Metropolitana de Sorocaba, no interior de São Paulo. O decreto de número 8.063 foi assinado pelo prefeito Antônio Cássio Habice Prado, na última quinta-feira (9).

De acordo com o decreto, o cidadão fica obrigado a usar a máscara de proteção em todos os locais públicos ou de livre circulação de pessoas. De acordo com a norma, não serão considerados locais públicos as residências, ou ambientes locais ou públicos onde apenas uma pessoa trabalhe.

O decreto segue informando que as máscaras podem ser de fabricação caseira ou industrializada e feita com qualquer material que crie uma barreira para o vírus. Ela ainda deverá estar ajustada ao rosto e cobrir totalmente o nariz e a boca.

A determinação já começa a valer nesta segunda-feira (13). Durante uma semana, o morador que for pego infringindo a determinação será apenas orientado pelas vigilâncias Sanitária e Epidemiológica, as autoridades sanitárias, os agentes de trânsito e a Guarda Civil Municipal. As multas começarão a ser aplicadas no dia 20. O valor da multa não foi informado.

A prefeitura informou que as pessoas que estão inscritas em programas assistências receberão máscaras. Elas deverão ser retiradas na Secretaria de Assistência Social.

Com seis casos confirmados do novo coronavírus e outros dez suspeitos até o momento na cidade, o prefeito de Porto Feliz decretou no último dia 21 de março estado de calamidade pública.

Casos na região de Sorocaba

No último balanço divulgado nesta quinta-feira (9), a região de Sorocaba contabilizava 55 casos confirmados do novo coronavírus. Sorocaba pé a cidade com o maior número de pessoas infectadas, sendo 32 casos e três mortes confirmadas.

Ela é a única da região a registrar mortes.

Na sequencia aparece a cidade de Porto Feliz, com seis casos, São Roque e Salto, com quatro casos, Itu e Votorantim com três casos. Araçoiaba da Serra, Araçariguama e Salto de Pirapora registraram um caso cada.

Brasil já tem quase mil mortes

Dados divulgados pelas secretarias estaduais de Saúde na manhã desta sexta-feira (10), revelaram que o número de mortes no Brasil causados pelo novo coronavírus se aproxima de mil.

De acordo com os dados, em todo o território nacional foram confirmados 18.397 casos e 975 pessoas haviam morrido vítimas da Covid-19.

O estado de São Paulo é onde se concentra um torço dos casos positivos e metade das mortes. Somadas todas as cidades, havia 7.480 casos positivos para o novo coronavírus e 496 mortes. O Rio de Janeiro, segundo estado com mais mortes, 122 pessoas morrera por conta da doença e há 2.216 infectados.

Siga a página Coronavirus
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!