Em meio aos problemas envolvendo o novo coronavírus, policiais militares do estado do Rio de Janeiro protagonizaram uma atitude heroica ao salvar a vida de um bebê de 28 dias que se engasgou com o leite materno. O fato aconteceu na rua Oito de Maio, no bairro Caixa D’água, em Três Rios, na região Sul do estado.

De acordo com informações do G1, uma equipe da Polícia Militar estava realizando uma operação na localidade com intuito de reprimir o avanço dos crimes, quando foi surpreendida com um pedido de socorro de uma mulher. Ela havia dito que seu filho estava engasgado após tomar leite materno.

Imediatamente os policiais foram até o local para prestar os atendimentos necessários. Chegando lá, eles se depararam com a dificuldade do recém-nascido em expelir o leite. Com uma medida de Salvamento, colocando a criança de cabeça para baixo e dando leves tapas, os militares conseguiram salvar a vida do bebê.

Enquanto a atividade era realizada, um dos moradores registrou o momento com um vídeo que circula nas redes sociais. Após o ato heroico dos policiais militares, a mãe fez questão de tirar uma foto em forma de agradecimento.

A Polícia ainda informou que depois do socorro, o bebê foi encaminhado à Unidade de Pronto Atendimento para realizar exames.

Rio de Janeiro

Durante a proliferação do novo coronavírus, muitas ocorrências estão acontecendo na cidade carioca.

Recentemente uma mulher foi presa após descumprir as medidas de quarentena impostas pelo governador Wilson Witzel.

A mulher estava caminhando na areia da praia do Recreio quando alguns policiais se aproximaram e relataram que aquela atividade teria sido suspensa por tempo indeterminado em razão do surto do vírus no estado. A mulher, que não teve a identidade revelada, foi contrária a informação dos policiais militares e resistiu, com intuito de permanecer no local, e acabou proferindo palavras de baixo calão e ainda chegou a abaixar a parte de baixo do biquíni.

Diante dessa atitude, ela acabou recebendo voz de prisão e foi encaminhada para uma delegacia próxima. De acordo com informações da própria Polícia Militar, a mulher irá responder pelo crime de desobediência.

Passeios públicos, como praias, rios, cachoeiras, trilhas, estão suspensos no estado. O intuito é evitar aglomerações de pessoas em meio à pandemia do novo coronavírus.

O governador do estado informou que as pessoas poderão ser penalizadas se descumprirem essas novas medidas.

,

Siga a página Polícia
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!