Três jovens foram condenados pela justiça após agredirem uma adolescente dentro de um carro. O caso foi registrado no Campo dos Alemães em São José, localizado no estado de São Paulo.

De acordo com informações fornecidas pelo G1, no ano de 2017, os jovens acusaram a jovem de ter criado um perfil falso no Facebook para atribuir coisas negativas aos jovens, informando até que alguns deles pertenciam ao tráfico de drogas.

Mediante tal acusação falsa, os jovens decidiram sequestrar a adolescente. Já dentro do carro, a vítima passou uma sessão de tortura. Durante alguns minutos, a adolescente que não teve a identidade revelada foi agredida com socos, tapas e até mesmo com pedaços de madeira.

A jovem, que na época tinha 19 anos, acabou fugindo da cidade de São Paulo com medo que outros atos criminosos acontecessem. Todo o ato criminoso foi registrado por um dos indivíduos pela câmera do celular.

Após realizarem o tratamento de tortura, os indivíduos publicaram o vídeo nas redes sociais. Em poucas horas, na época, as imagens repercutiram bastante nas mídias digitais. Pela exposição do vídeo, o conteúdo acabou chegando nas mãos das autoridades policiais.

A Justiça acabou localizando os indivíduos e os condenaram com a pena de 2 anos de prisão em regime fechado. Mesmo detidos, os indivíduos continuam recorrendo da decisão judicial.

São Paulo e coronavírus

Atualmente, a cidade paulista vem enfrentando graves problemas em relação à pandemia do novo coronavírus.

De acordo com algumas informações, foram registrados cerca de 1.345 vítimas e pouco mais de 16 mil casos confirmados.

Para coibir que novas pessoas sejam contaminadas com a doença, medidas extremas já estão sendo tomadas pelas autoridades governamentais do estado. Nesse momento de quarentena, muitos comércios e lugares públicos estão fechados. O intuito, segundo informações, é coibir que pessoas se aglomerem, tendo em vista que o vírus pode ser transmitido pelo ar ou até mesmo pelo contato físico.

Além disso, o uso das máscaras cirúrgicas estão sendo obrigatórias na cidade. Pessoas que forem pegas pela guarda municipal sem a proteção, poderão ser punidas com multas. Até o momento, não tiveram informações de quantas pessoas foram penalizadas.

De acordo com últimas informações do governador de São Paulo, João Doria, o isolamento social irá se estender por mais algumas semanas, tendo em vista o alto número de vitimados em razão da proliferação do novo coronavírus.

Agentes da saúde informam que a quarentena só irá acabar quando medidas eficazes forem impostas, tendo como exemplo a criação de medicamentos ou vacinas para proteger a população paulista.

Siga a página Polícia
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!