Nilton Nascimento foi supostamente assassinado pelo próprio sobrinho. A irmã da vitima deu detalhes da frieza do assassino com a família, depois de concretar o corpo de Nilton e fazer churrasqueira em cima do local concretado. O crime aconteceu em Vilhena, no estado de Roraima, na região Cone Sul da cidade.

De acordo com Maria Regina, o sobrinho de Nilton chegou a realizar uma festa de aniversário e convidou vários parentes para a comemoração, que foi realizada em cima do local onde o corpo do homem foi escondido.

Festa em cima do túmulo do tio

O suspeito escondeu o corpo do tio em uma calçada de concreto, que foi usada para construir uma churrasqueira.

Maria Regina contou que o homem de 28 anos insistiu para que ela participasse da comemoração, mas ela disse que não iria pois estava com mau pressentimento.

Nilton já havia desaparecido há dez dias. O suspeito insistiu para que Maria fosse à comemoração, pois ele iria pedir sua namorada em casamento. Outros parentes aceitaram o convite e a festa foi realizada em cima da área concretada, onde Nilton estava enterrando.

A irmã da vítima ainda contou que a família bebeu, fez churrasco, tomou banho de água de mangueira, tudo em cima do tio que estava morto e concretado ali.

Família em choque

Nilton desapareceu no dia 28 de agosto. Ele havia ido a casa do sobrinho para beber e nunca mais foi visto. Desde o desaparecimento de Nilton, o sobrinho, que é suspeito de o tê-lo assassinado, dizia que não tinha notícias do tio.

Segundo a Polícia, o homem confessou que assassinou o tio e o enterrou em frente à porta de sua casa. Para esconder o crime, o sobrinho de Nilton fez uma calçada de concreto e colocou uma churrasqueira.

A irmã da vítima, Maria Regina, contou que os familiares estão em choque e não conseguem acreditar que o sobrinho de Nilton tenha sido capaz de assassiná-lo.

Maria ainda diz que o motivo do crime é um mistério, pois eles não sabem se a vítima reagiu ou se foi atacado de surpresa e não conseguiu se defender. Segundo ela, nenhum vizinho ouviu nada no dia do crime e sua mãe, que está dopada, não consegue imaginar o que aconteceu com Nilton. Regina ainda diz que não consegue acreditar em tamanha maldade vinda do sobrinho.

Sobrinho confessa o crime

O homem de vinte oito anos confessou a polícia que matou o tio. Segundo informações do delegado responsável pelo caso, ele teria dito que matou o tio com uma facada nas costas e três no pescoço.

Ele ainda teria dito que o crime foi cometido em legitima defesa após uma discussão acalorada com o tio, Nilton. De acordo com a Polícia Civil, o homem, que confessou o crime, está agora na Casa de Detenção provisoriamente. Ele ira responder pelo crime de homicídio e ocultação de cadáver.

Siga a página Polícia
Seguir
Siga a página Relacionamento
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!