Neste domingo (16), a Anvisa informou que o navio Kota Pemimpin, com bandeira de Hong Kong, atracará no Porto de Santos nesta segunda-feira (17). O órgão descartou casos suspeitos de coronavírus dentre os passageiros que estão no navio.

De acordo com a apuração do G1, a embarcação conta com dois tripulantes de nacionalidade indonésia e chinesa, ambos demonstram os sintomas do Covid-19 com dor na garganta, febre e tosse constante.

Conforme os dados do navio a escala procede de Singapura tendo passagem pelos portos chineses de Hong Kong, Yantian, Ningbo e Xangai nos últimos trinta dias.

Os indivíduos que estão apresentando os respectivos sintomas pegaram o porto de Yantian no dia 21 de janeiro e começou a passar mal no dia 29 do mesmo mês, o outro teve febre no último dia 10 de fevereiro. De acordo com informações do navio os passageiros já estão melhores.

Anvisa se prepara para receber navio chinês no Porto de Santos

A Anvisa informou à Secretaria de Saúde de Santos que disse estar preparada para atender os casos suspeitos, o Porto de Santos também será apoiado pela administração pública local.

Contudo, a Agencia Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) afirmou que não há motivos para maiores preocupações, pois por motivo de precaução uma equipe está sendo destinada para embarcar no navio no momento da chegada, a fim de, avaliar clinicamente todos os tripulantes junto a vigilância sanitária epidemiológica de Santos, antes que os tripulantes desembarquem. Também informou que todo o navio passará por uma vistoria sanitária.

O ministro Luiz Henrique Mandetta que dirige o Ministério da Saúde, se pronunciou em sua rede social para ressaltar que não há tripulantes doentes ou com suspeita de ter sido infectado com o coronavírus na embarcação. Mas, destacou que todas as inspeções conjuntas estão previstas assim que o navio desembarcar.

Coronavírus não foi detectado na América Latina ou no Caribe

O número de suspeitos com a infecção do coronavírus Covid-19 que surgem na província de Hubei, na cidade chinesa de Wuhan, já percorreu 24 países desde que o surto começou.

Contudo, na América Latina e no Caribe não há confirmações de infecção, apenas suspeitas.

No caso do Brasil, o Ministério da Saúde, informou na última sexta-feira (14) que há apenas quatro casos suspeitos do coronavírus no Brasil, incluindo uma criança de dois anos, as quatro pessoas estiveram na China nos últimos três meses.

O quadro de medo de coronavírus no Brasil surgiu quando aproximadamente 47 indivíduos apresentaram sintomas suspeitos do coronavírus. Contudo, a Anvisa descartou 43 suspeitas o que tranquilizou os brasileiros, porém com a chegada do navio chinês os ânimos começaram a mudar.

O Porto de Santos conta com um Plano de Contingência para Emergências, garantiu Mandetta.

Não perca a nossa página no Facebook!