A epidemia do coronavírus chegou nesta quarta-feira (3) à marca de 31. 417 vítimas fatais no Brasil. O número de casos confirmados da doença é 560.737.

O diretor de emergência da OMS (Organização Mundial da Saúde), Michael Ryan, afirmou que o Brasil alcançou o topo de contaminações nas últimas 24 horas, ou seja, o país tem o maior número de contaminados por dia em todo o mundo. Para piorar as notícias, ele afirma que ainda não atingimos o pico de contaminação, assim sendo, o pior ainda pode estar por vir.

Brasil é 4° país em óbitos no mundo por coronavírus

O Brasil está na quarta posição em número de mortos no mundo, atrás apenas de EUA, Reino Unidos e Itália.

E o diretor de emergência da OMS afirmou em relatório global, realizada na última sexta (29), que a América do Sul é o novo epicentro da epidemia.

Também nesta semana, começando nessa segunda-feira (1°), o estado de São Paulo, que tem o maior número de contaminados e mortos do país, lançou mão de uma flexibilização intitulada "retomada consciente". As medidas preocuparam especialistas, pois nesta segunda foram confirmados 6.999 novos casos e 327 óbitos no estado paulista, o maior índice registrado em 24 horas (1 dia) desde o início da epidemia do coronavírus.

Taxas de ocupações de UTI por estado, vítimas de coronavírus

Segundo dados divulgados nesta terça-feira (3) pelas secretarias de Saúde dos estados, temos a seguintes ocupações das Unidades de Terapias Intensivas (UTI).

Acre – 78% (01/06).

Alagoas – 78% (01/06).

Amapá – 97, 98% (01/06).

Amazonas – 71% (31/05).

Bahia – 68% (01/06).

Ceará – 79% (17/05).

Distrito Federal – 65, 5% no sistema público e 42, 24% na rede particular e (29/05).

Espírito Santo – 77, 55% (25/05)

Goiás - 66, 15% (01/06).

Maranhão - 97, 5% na capital, 84, 4% na região interiorana e 90% em Imperatriz - (01/06).

Mato Grosso - 14, 6% (27/05).

Mato Grosso do Sul 2, 8 % (01/06).

Minas Gerais - 70% (01/06).

Pará - 84, 36 (27/05).

Paraíba – 73% (01/06).

Paraná – 44% (29/05).

Pernambuco – 98% (28/05).

Piauí – 61% (24/05).

Rio de Janeiro – 86% (24/05).

Rio Grande do Norte – 93% (01/06).

Rio Grande do Sul – 72%

Rondônia - 62% (29/05).

Santa Catarina 59,1 (29/05).

São Paulo - 69, 3% (01/06).

Sergipe - 89, 6% (29/05).

Tocantins – 50% (29/05).

* Entre parênteses as datas de quando os dados foram atualizados.

Nota-se que Roraima não foi citado, pois, não tornou públicos seus dados.

Siga a página Coronavirus
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!