David MacNeil era só mais um na multidão com uma vida comum, trabalhando e dividindo seus momentos felizes com seu cachorro Scout.

Dirigente de uma empresa de peças automotivas, é de se supor que ganhe muito dinheiro, pois assim não teria feito o que fez. E, mais além, o que muitos vão conhecer no evento mais aguardado e televisionado em todo o território dos Estados Unidos: a final de rúgbi do Super Bowl.

O que tem a ver esses dois personagens com o evento mais popular na terra do Tio Sam? Bem, o milionário pagou nada menos que a bagatela de US$ 6 milhões – algo em torno de R$ 25 milhões – em espaço publicitário na final da liga nacional de futebol.

Explicando melhor: MacNeil se sentiu tão agradecido pelos veterinários e pela escola que ajudou a debelar um câncer no coração de Scout que o vídeo será veiculado nacionalmente no intervalo do jogo da final. Essa enorme quantia foi utilizada para mostrar apenas 30 segundos, narrando os obstáculos, as técnicas e os procedimentos médicos a que o cão foi submetido. Nos segundos finais, o milionário faz um apelo para que as pessoas colaborem financeiramente e, assim, outros bichos de estimação sejam salvos.

Volta a fita

No verão do ano passado, David soube que seu cão, um Golden retriever, foi diagnosticado com câncer nas paredes dos vasos sanguíneos. Ao indagar os veterinários sobre quais seriam as chances de sucesso, estes foram francos e disseram que haveria somente 1% de êxito no tratamento.

Na época, Scout tinha 7 anos de idade.

Mesmo consternado, seu dono escolheu por não sacrificá-lo e buscou ajuda na Universidade de Wisconsin-Madison. Os profissionais da escola começaram o tratamento com quimioterapia. A surpresa veio um mês depois, quando o tumor tinha diminuído em 78% e, progressivamente, chegou aos 90% de cura.

A boa notícia é que, atualmente, o estágio do câncer de Scout está praticamente debelado.

Tocado por tudo que aconteceu com seu cão de estimação e feliz por vê-lo ao seu lado com ótima saúde, David MacNeil quis mostrar toda sua gratidão à escola veterinária, gravando o vídeo e alugando espaço no Super Bowl.

A produção tem o nome de “Lucky Dog” (“Cachorro de Sorte”). Além desse vídeo, também existe um outro com duração aproximada de 5 minutos.

Poderoso

A final do Super Bowl ocorrerá no próximo dia 2 de fevereiro e, neste ano de 2020, cada anúncio custou 175 mil dólares por segundo transmitido. Aproximadamente 100 milhões de americanos ligam a tevê para ver o jogo a ser disputado no Hard Rock Stadium, na cidade de Miami Gardens, estado da Flórida. Mas o número de aficionados e curiosos é bem maior, já que outras emissoras de comunicação fora dos Estados Unidos se interessam pela transmissão do evento, o qual é o mais visto e comentado desde 1967 pelos americanos.

Com tantos números grandiosos a favor do Super Bowl, há quem veja que David foi esbanjador ou excêntrico.

Outros podem ver uma boa jogada de marketing em prol dos cuidados com Animais. Entretanto, é inegável que se, a gratidão for sincera, foi uma tamanha e poderosa gratidão.

Siga a página Relacionamento
Seguir
Siga a página Animais
Seguir
Siga a página Ciência
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!