Recentemente, a Caixa Econômica Federal decidiu antecipar o pagamento da segunda parcela do auxílio emergencial de R$ 600. Aqueles beneficiários que nasceram nos meses de janeiro e fevereiro irão receber o auxílio da segunda parcela já na quinta-feira (23). Aqueles que nasceram nos meses de março e abril terão o dinheiro na sexta (2) e, assim, seguirá o novo calendário. Posteriormente, o Governo havia dito que o dinheiro sairia apenas no dia 27.

Veja o novo calendário da segunda parcela

Quinta-feira (23)

Receberão aqueles nascidos nos meses de janeiro e fevereiro

Sexta-feira (24)

Receberão os nascidos nos meses de março e abril

Sábado (25)

Nascidos nos meses de maio e junho

Segunda-feira (27)

Nascidos nos meses de julho e agosto

Terça-feira (28)

Aqueles que nasceram nos meses de setembro e outubro

Quarta-feira (29)

Nascidos nos meses de novembro e dezembro

Novo pagamento

A Caixa Econômica Federal também foi a público para dizer que mais de 5 milhões de trabalhadores autônomos e informais serão contemplados com a primeira parcela do auxílio emergencial nesta quarta-feira (22). Mais de 1 milhão de brasileiros que estão enquadrados como cadastrados no CadÚnico também receberão o benefício nesta quarta, assim como cerca de 2 milhões receberão o Bolsa Família.

Serão mais de 7 milhões de brasileiros que receberão a quantia em cerca de um único dia.

Até a segunda-feira (20) foram mais de 24,2 milhões de cidadãos brasileiros que receberam a primeira parcela do auxílio emergencial no valor de R$ 600, sendo injetados um total de R$ 16 bilhões na economia brasileira. Foram abertos também mais de 10 milhões de contas digitais, estando previsto o total de 30 milhões de contas abertas até o fim do processo. De acordo com as informações concedidas pela Caixa, após a crise da pandemia do novo coronavírus acabar, manterão as contas de 30 milhões com taxas inferiores que estão presentes no mercado.

Aplicativo e site

A parte da população que teve o auxílio emergencial negado pela Dataprev terá o direito de realizar um novo cadastro no aplicativo ou site oficial da Caixa Econômica Federal, pedindo uma reavaliação.

Todos aqueles que não receberão o benefício concedido pelo governo tem o direito de fazer um novo cadastro, sendo analiso novamente se está apto para receber o auxílio.

Como prevenir o coronavírus?

O Ministério da Saúde orienta alguns cuidados para reduzir o risco de contrair ou transmitir doenças respiratórias agudas, incluindo o novo coronavírus.

Algumas das medidas que devem ser tomadas são:

  • Usar o cotovelo para poder cobrir a tosse;
  • Não tocar o rosto com as mãos;
  • Manter uma distância segura das pessoas nas ruas;
  • Ficar em casa o máximo possível.
Siga a página Coronavirus
Seguir
Siga a página Jair Bolsonaro
Seguir
Siga a página Governo
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!