A candidata ao Senado pelo Estado de Minas Gerais nesta última eleição, Duda Salabert, anunciou nesta segunda-feira (07) que irá ter um filho. Conforme as informações, a mulher de Duda já está com 13 semanas de gestação. Ela utilizou as redes sociais para publicar um vídeo das imagens do ultrassom que mostra o bebê.

Independente do sexo da criança, o nome definido por elas será Sol. Conforme disse Duda, esse nome é de gênero neutro.

Caso a criança se torne trans, não será obrigada a ter que mudar o nome e não terá nenhuma dor de cabeça quanto a isso. Segundo a parlamentar, Sol significa música que encanta, é luz que revigora. Duda é casada com Raísa Novaes há sete anos, que é travesti lésbica. O bebê é filho biológico do casal.

Duda foi candidata pelo PSOL e teve mais de 350 mil votos, mas não venceu as Eleições. Ela defende um combate à transfobia e criou a ONG Transvest. Em 2020, pretende sair candidata à prefeitura de Belo Horizonte.

Contra Damares

Duda Salabert citou a polêmica que envolve as declarações da ministra da Mulher, Família e Direitos Humanos, Damares Alves. A ministra havia dito que agora seria uma nova era no Brasil: "menino veste azul e menina veste rosa". Embora a ministra afirmasse que nenhum direito da comunidade LGBTI seria retirado, ela comentou que não estava arrependida do que disse.

A ex-candidata ao Senado falou que não concorda com a ministra.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Governo Maternidade

Para ela, uma criança deve ter total liberdade para que reconheça e se identifique com a opção que preferir. Segundo Duda, não haverá na família dela nenhuma pressão sobre qualquer decisão da criança.

Famosos se manifestaram

As declarações de Damares Alves estiveram no topo do Twitter na semana passada. Muitos artistas se manifestaram sobre a fala dela. Luciano Huck, por exemplo, criticou a ministra e ironizou seus dizeres postando uma foto onde ele está com uma camisa rosa e sua esposa Angélica com uma camisa azul.

Os jornalistas do Jornal da Globo também criaram polêmica ao aparecerem na TV na madrugada de sábado (05). Renata Lo Prete estava com uma blusa azul e o correspondente de Nova Iorque, Jorge Pontual, vestia um blazer rosa.

Carlos Bolsonaro, filho do presidente, também provocou Luciano Huck após o apresentador ironizar Damares. Carlos postou uma foto na qual mostra o global com seus dois filhos. O menino vestia uma roupa de mergulho preta com detalhes em azul e a filha dele uma roupa e chapéu rosa.

A polêmica se estendeu pelas redes sociais e dividiu a opinião de muitas pessoas.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo