Na última semana, um boato sobre um suposto caso extraconjugal entre Michele Bolsonaro, a primeira-dama do Brasil, e o ex-ministro Osmar Terra começou a circular nas redes sociais. Entretanto, o desfecho deve ser um pouco mais grave, visto que a esposa do presidente da República pretende levar o caso aos tribunais.

De acordo com informações fornecidas pela Folha de S.Paulo, Michele vai processar todos os jornalistas que veicularam as notícias sobre o seu suposto envolvimento com Osmar Terra e, portanto, ajudaram a disseminar o boato.

Quem ficará responsável pela sua representação será o advogado Daniel Bialski, que chegou a afirmar que a queixa será prestada contra Germano Oliveira, o diretor da revista Isto É, um dos primeiros veículos em que a notícia sobre o caso extraconjugal da primeira dama foi divulgada.

Além de diretor da revista citada, Germano também é o autor da matéria que fala sobre a suposta traição de Michele e sobre o desgaste no casamento com o presidente Jair Bolsonaro.

Essa, entretanto, não será a única ação movida pela defesa de Michele Bolsonaro. De acordo com Bialski, será pedida uma indenização ao profissional responsável pela matéria e à IstoÉ. Além disso, ele ainda pedirá a abertura de um inquérito para quem seja investigado quem foram os responsáveis por ajudar a propagar “ofensas à honra” de Michele Bolsonaro.

Michele Bolsonaro disposta a aceitar perdão

Ainda comentando sobre o assunto, Daniel Bialski destacou que a primeira-dama dará às pessoas que propagaram a matéria a oportunidade de pedir desculpas.

Entretanto, caso elas não desejem fazer isso, serão processadas. As informações foram fornecidas pelo advogado à jornalista Mônica Bergamo.

Bialski ainda destacou que Michele é uma mulher voltada para a religiosidade e de conduta correta, de forma que todos esses boatos sobre uma suposta traição fizeram com que ela ficasse indignada.

Ainda na semana passada, o nome do ex-ministro Osmar Terra se tornou um dos assuntos mais comentados do Twitter, rede social em que Jair Bolsonaro e seus filhos costumam ser bastante ativos. O motivo para tal está ligado ao suposto caso com Michele.

Para além do Twitter, a notícia chegou a repercutir em outras redes sociais, e o ex-ministro Terra acabou se manifestando sobre o assunto, afirmando que seria uma mentira.

Na ocasião, ele ainda afirmou que estava sendo agredido naquilo que tem de mais importante, que é a sua integridade moral. O ex-ministro ainda citou a sua família na ocasião destacada e fez questão de pontuar que não será constrangido por boatos como esse. A fala foi feita por meio do Twitter.

Siga a página Famosos
Seguir
Siga a página Jair Bolsonaro
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!