Chegou ao catálogo da Netflix na sexta-feira (19), a terceira temporada da série "The Sinner". A produção é baseada no livro homônimo da escritora alemã Petra Hammesfahr. Em sua primeira temporada a série da Netflix tinha no elenco Jessica Biel e Bill Pulman. A atriz também é produtora da série.

A dupla retornou na segunda e agora também na terceira temporada, sendo que a atriz agora é somente produtora da obra, enquanto Bill Pulman continuou a dar vida ao detetive de personalidade problemática Harry Ambrose.

Novatos

Para quem está chegando agora e nunca assistiu a esta série, não encontrará problema em acompanhar a terceira leva de episódios, pois cada temporada acompanha Ambrose investigando um caso que não tem nenhuma conexão com o caso anterior, nesta atual temporada existe apenas uma rápida referência à temporada anterior, assim como também houve uma breve citação da primeira temporada na segunda parte da produção.

Harry Ambrose

Não é novidade no mundo das séries policiais encontrar protagonistas problemáticos, mas talvez o detetive veterano de "The Sinner" seja uma das figuras mais estranhas encontradas neste tipo de produção. Mas as excentricidades do policial são mais bem exploradas na primeira temporada do que na atual, que foca em outros aspectos de sua complexa personalidade.

O novo caso

O sempre enigmático detetive Harry Ambrose é conhecido por seu talento e também por seus métodos de investigação pouco ortodoxos, que sempre o leva a se envolver de maneira profunda nos casos que investiga.

O detetive desta vez é encarregado em investigar um acidente de carro em que havia dois homens, e o motorista acabou morrendo na tragédia.

O que parecia ser um simples e trágico acidente de automóvel acabou se revelando um caso de assassinato.

O motorista do carro era Nick Haas (Chris Messina), um antigo amigo da época de faculdade de Jamie Burns (Matt Bomer), não satisfeito com as explicações que Jamie dá para o acidente, Harry, com ajuda do detetive Vic Soto (Eddie Martinez) investigam o caso em busca de respostas.

Ao longo da temporada, o espectador descobre o passado sombrio de Jamie, que busca respostas para a angústia interior que sente. Ao mesmo tempo que ele quer se livrar da influência negativa que Nick tem sobre ele, Jamie não consegue se livrar do fantasma do amigo falecido.

Sem sombra de dúvida, o terceiro capítulo da saga de Harry Ambrose é o mais ambicioso até o momento, quando são discutidas questões filosóficas e é explorada a relação que se forma entre o suspeito vivido por Matt Bomer e o detetive interpretado por Bill Pulman.

Mas a despeito de suas boas intenções, o que a produção entrega em seus oito episódios, são reflexões rasas e um desfecho decepcionante. Antes mesmo da estreia da terceira temporada, já foi anunciado que ela retornará para uma quarta temporada.

Siga a página Seriados
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!