Um cantor de bastante destaque na Bahia morreu após ser vitimado pela covid-19. MC Dumel, de 28 anos, é a 35ª pessoa a morrer vítima do vírus no estado. De acordo com informações do G1, a morte do cantor foi anunciada no final da noite desta última quinta-feira (16), pela sua assessoria e pela Secretaria de Saúde do Estado da Bahia.

Residente de Lauro de Freitas, região metropolitana de Salvador, o cantor apresentou sintomas do contágio pelo coronavírus após ter realizado um show no estado do Rio de Janeiro. Depois de alguns dias, o cantor continuou a sentir falta de ar e acabou sendo levado para o Hospital Menandro de Farias, em Lauro de Freitas, na Região Metropolitana de Salvador, para que um teste pudesse ser realizado.

MC Dumel acabou testando positivo para a covid-19, juntamente de sua esposa que o acompanhava no show no RJ. O cantor chegou a permanecer alguns dias internado da UTI (Unidade de terapia intensiva), mas acabou não resistindo aos procedimentos realizados para controlar a covid-19 e acabou morrendo. A esposa do cantor ainda continua internada no mesmo hospital em que o marido morreu. Informações apontam que a situação dela é estável.

MC Dumel possui 104 mil seguidores em uma rede social, onde na última postagem realizada, muios fãs e artistas prestaram solidariedade à família.

Bahia

Assim como os demais estados do Brasil, a Bahia também está sendo bastante afetada com a proliferação da covid-19. De acordo com informações cedidas pelo Ministério da Saúde, 35 pessoas foram vítimas fatais em decorrência do contágio do vírus.

Autoridades locais continuam aplicando o isolamento social, com objetivo que evitar que novas pessoas sejam vitimadas com a covid-19.

Muitas pessoas na Bahia aguardam o resultado do exame realizado para atestar se houve ou não a contaminação da doença. Apesar de ser um número baixo de mortes, os hospitais públicos estão superlotados, tendo em vista que muitas pessoas apresentam sinais da doença e vão às unidades hospitalares para realizar o exame.

Pelas redes sociais, agentes da área da saúde informam tudo a respeito da covid-19. É aconselhável procurar uma unidade hospital se os sintomas da doença persistirem, como tosse seca e a constante falta de ar. Pelo fato da desinformação, muitas pessoas que apresentam um quadro estável de resfriado procuram os hospitais, o que acarreta em superlotação.

Até o fechamento dessa matéria, foram registrados 1.952 mortes e 30.891 casos confirmados em todo o país.

Siga a página Coronavirus
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!