Escobar deixou a prisão em 1976, depois de cumprir pena por ter transportado cocaína. Ele já havia pensado em todo o plano e era simples, contrataria terceiros para transportar toda a droga produzida. Pablo importava toda a matéria prima do Peru escondida em caminhões, depois produzia a cocaína na Colômbia e exportava para os Estados Unidos usando "mulas". As ideias eram várias conhecidas até hoje, bolsos falsos, em perucas, fundo de malas falsos ou no estômago dentro de camisinhas, é claro que muitas destas foram deixadas de lado por causa da forte fiscalização e tecnologia usada nos aeroportos. Escobar também escondia a droga nos estepes dos aviões que eram abandonados no aeroporto de Miami, onde já havia um pessoal contratado com caminhões de lixo para levar aos lixões, chegando lá, o pessoal de Escobar resgatava os estepes e retiravam a droga.

Publicidade
Publicidade

Como já falamos em outros artigos, Escobar era um empreendedor nato e, por isso, teve uma ideia para aumentar seu capital de giro, contratou mais traficantes e ofereceu um seguro por todos os envios da droga. Roberto Escobar revelou: "Se a droga ficasse nas mãos dos agentes gringos, Pablo cobria toda a perda da droga para os traficantes em dinheiro, porém, cobrava 35% em cada carregamento que chegava ao seu destino final, o resto era por conta dos traficantes repassar os seus valores".

Foi assim que Pablo começou a aumentar seu capital de giro sem se comprometer muito, mas seu negócio ainda era pequeno, enviava entre 10 a 20 quilos por vez. Foi quando ele se aliou ao maior plantador de Coca da Bolívia, Roberto Suárez Gómez, que a coisa começou a melhorar, Gómez levava a matéria-prima de avião para a Colômbia e a descarregava nas selvas onde eram fabricadas as drogas.

Publicidade

Depois de se aliar com Lehder, colombiano, filho de alemão e com muitos contatos nos EUA, dividiram uma carga de 50 quilos junto com os irmãos Ochoa, com Pablo Arroyave e Pablo Correa. Juntos, na época, eles formavam a gangue "Los Pablos". Em 3 semanas, o lucro foi de 1,8 milhão para dividir entre eles. Mas precisavam de mais e conheceram o piloto de avião Barry Kane, contato de Lehder e seus comparsas. Kane levou de avião 250 quilos à terra dos gringos, com escala nas Bahamas.

O grande salto foi aí, em 4 horas de operação, a gangue levou 10 milhões de dólares.

Em 1978, Lehder comprou praticamente toda ilha Norma's Cay, nas Bahamas, e o plano era o avião sair de Medellín, abastecer na ilha e cruzar até a Flórida, jogando os pacotes na costa, que eram levados de lancha até Miami.

O problema veio em 1979, quando uma guerra entre traficantes matou 100 pessoas em Miami. Pressionado pelos Estados Unidos, o presidente da Colômbia autorizou a derrubada de aviões narcotráficos e assinou um contrato com os EUA, onde quem fosse pego envolvido no crime seria extraditado para os Estados Unidos.

Publicidade

Em 1980, Pablo já era o homem mais rico e poderoso da Colômbia, mas Escobar era um homem ambicioso e queria mais.

Em nossa próxima matéria abordaremos como Pablo se tornou o Rei do Povo para a Colômbia a partir de 1980. #PabloEscobar #Seriados #Netflix