A empresária Elaine Perez Caparroz, de 55 anos, passou momentos de verdadeiro terror no último sábado (16) ao ser espancada por quase quatro horas dentro do seu apartamento na Barra da Tijuca, na zona oeste do Rio de Janeiro. Vinícius Batista Serra, de 27 anos, é suspeito das agressões, que tiveram início por volta da 1h e seguiram até as 5h30.

Elaine foi socorrida depois que vizinhos alertaram o zelador sobre gritos de socorro vindo do apartamento da empresária. O zelador conseguiu impedir a fuga do suspeito, e Vinícius foi preso em flagrante.

Elaine foi encontrada desacordada em seu apartamento e levada ao Hospital Lourenço Jorge, na Barra, onde continua internada se recuperando dos ferimentos sofridos.

Mulher conheceu agressor pela internet

Ao Fantástico, da rede Globo, Elaine contou que conheceu Vinícius pela internet há oito meses. Desde então os dois vinham trocando mensagens através das redes sociais e recentemente decidiram marcar um encontro para se conhecerem pessoalmente. Elaine então o convidou para jantar em seu apartamento e ele aceitou.

Após o jantar, Elaine conta que Vinícius ficou para dormir em sua casa e depois disso acordou por volta da 1h recebendo socos do rapaz.

A empresária conta que tentou se defender de um mata-leão e acabou recebendo mordidas do rapaz. As agressões duraram até 5h30 quando vizinhos avisaram o zelador que chamou a Polícia e orientou os funcionários a não abrirem os portões, evitando assim, que o agressor conseguisse escapar.

Segundo informações, Vinicius informou que havia dormido depois de tomar vinho e que acordou em surto.

Vai ficar por fora de assuntos como este?
Clique no botão abaixo para se manter atualizado sobre as notícias que você não pode perder, assim que elas acontecem.
Polícia Mulher

Para o delegado-adjunto Rodrigo Freitas de Oliveira, da 16ª DP (Barra) Vinicius tentou matar Elaine, devido à grande violência e gravidade das agressões, além da desproporcionalidade física entre os dois. Felipe, que é estudante de direito, responderá por tentativa de feminicídio.

Vinicius deu nome errado na portaria do apartamento de Elaine

Segundo Rogério Peres, irmão de Elaine Caparroz, Vinicius se apresentou como Felipe ao chegar ao seu encontro com a empresária. O porteiro que estava de plantão entregou o documento que registra as entradas do condomínio a Rogério.

Ele informou que irá apresentar esse papel a polícia e contou ainda que a irmã estranhou quando anunciaram Felipe ao invés de Vinicius, mas que deixou que ele subisse porque já estava esperando alguém e imaginou que fosse uma confusão do porteiro.

Na manhã dessa segunda-feira (18) o hospital onde Elaine está internada, divulgou um boletim médico informando que ela deve ser transferida da UTI para um quarto, que seu estado é estável, mas que ela deve permanecer em observação por mais algum tempo.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo