O Brasil parou nesta quarta-feira (13) ao assistir mais uma barbárie em escola. Desta vez, o que se viu foram dois homens, Luiz Henrique de Castro, de 25 anos, e Guilherme Taucci, de 17, adentrando uma escola e matando várias pessoas, alem de deixar muitos feridos. O saldo total do ataque foram 10 mortes. Entre os mortos estão os dois assassinos, além de cinco alunos, duas funcionárias e o tio de Guilherme, Jorge Antonio de Moraes, um empresário que tinha uma loja de carros muito próximo à escola.

Guilherme primeiro parou na loja do tio, onde chegou a trabalhar mas foi demitido por supostamente furtar o caixa da empresa, discutiu com o tio e acabou dando-lhe três tiros. Jorge chegou a ser atendido, mas não resistiu e morreu. Na sequência o rapaz entra no Ônix branco, segue para a escola e pratica a barbárie junto com Luiz.

As investigações apontaram que foi o atirador mais jovem que matou o comparsa e depois se matou. Os dois usaram um revólver calibre 38, machados, um arco e flecha e uma besta para atingir o maior número de alunos.

Segundo relatos de um sargento, que foi o primeiro a chegar no local, eles foram acuados até o fim de um corredor e, sem ter como fugir, acabaram cometendo seus últimos atos.

Fórum extremista

Segundo o portal R7, os dois atiradores participavam de um fórum extremista na internet. Eles teriam se aconselhado com os membros virtuais do fórum e, há cerca de uma semana, um deles teria agradecido a ajuda dos colegas e se despedido.

As investigações agora, focam em descobrir qual seria a real motivação do crime.

Vai ficar por fora de assuntos como este?
Clique no botão abaixo para se manter atualizado sobre as notícias que você não pode perder, assim que elas acontecem.
Polícia

Um caderno de Guilherme, encontrado ao lado do corpo, também pode ajudar a Polícia a entender o perfil psicológico do rapaz. No documento, ele demonstrava obsessão por armas de fogo, além de desenhar caveiras, citar a Bíblia Satânica e fazer anotações de jogos de violência com estratégias de ataque.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo