Um homem foi preso em flagrante na cidade de Pombos, que fica na Zona da Mata de Pernambuco, suspeito de ter abusado da própria sogra, que tem 101 anos de idade.

Segundo a Polícia Civil do estado, a prisão aconteceu depois que a filha da senhora centenária instalou câmeras no quarto da idosa e acabou flagrando o próprio companheiro praticando a violência sexual em sua residência. Assim que foi preso, o suspeito acabou confessando o crime e deu sua versão dos fatos.

Suspeito de abusar de uma senhora de 101 anos confessa o crime

O homem acabou sendo preso na última quinta-feira (7) após a denúncia da própria companheira, com quem viveu por mais de 20 anos.

A filha da vítima contou às autoridades policiais que já desconfiava do homem e, por isto, decidiu instalar as câmeras escondidas no quarto de sua mãe. Na manhã da própria quinta, dia da prisão do suspeito, as imagens acabaram flagrando o crime.

Ao flagrar a mãe sendo violentada pelo próprio companheiro, a mulher foi até a Delegacia da Mulher mais próxima, de Vitória de Santo Antão, município vizinho a Pombos, para denunciar o homem com quem viveu por mais de 20 anos. Cabe ressaltar que em seu município não há Delegacia especializada neste tipo de atendimento à mulher.

O suspeito, José Bezerra da Silva, de 44 anos, acabou sendo preso em seu local de trabalho, não resistiu ao ato da prisão e acabou confessando. Ainda segundo a Polícia, José Bezerra foi autuado pelo crime de estupro de vulnerável e ficou à disposição à Justiça, para saber se responderá o crime preso ou em liberdade.

Após a audiência de custódia, o suspeito acabou tendo a prisão convertida em preventiva. A audiência aconteceu nesta sexta (8) e ainda, no mesmo dia, ele foi transferido para um presídio em Vitória de Santo Antão.

O G1, que fez a cobertura do caso, não revelou qual o estado de saúde da senhora vítima do abuso.

Mais de 2.500 casos de estupro em 2018

No estado de Pernambuco, no ano de 2018, foram registrados mais de 2,5 mil casos de violência sexual.

O número só não é maior do que o do ano de 2014, quando 2.627 casos de estupro foram registrados. Em 2017, o número chegou a cair para 2.361 casos.

A violência contra a mulher também registrou aumento no estado. Foram quase 40 mil casos registrados, o maior desde 2012.

Siga a página Polícia
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!