Mais um caso de feminicídio que acaba com a morte de uma mulher. A jovem Isabela Miranda de Oliveira acaba de falecer. Ela tinha apenas 19 anos e foi vítima de um crime lastimável, infelizmente, a jovem teve 80% de seu corpo queimado pelo seu namorado, William Felipe de Oliveira Alves de 21 anos.

O Carnaval foi planejado para ser um dia bastante divertido em um sítio. Isabela se deslocou de casa para o local com o seu respectivo namorado, a cunhada de 20 anos (que não teve o nome divulgado) e o noivo da cunhada, Leonardo, de 23.

A família contou ao site R7 que nunca gostou muito de William, mas aceitava o relacionamento. De acordo com relatos, Isabela, o namorado e amigos estavam em uma brincadeira que funcionava da seguinte maneira: quem perdesse tomaria uma dose de bebida alcoólica. Após a brincadeira, o churrasco continuou no sítio, mas a jovem acabou ficando muito embriagada e subiu para o andar de cima para descansar. Lá ela acabou pegando no sono e o pior aconteceu.

O que disseram as testemunhas

Testemunhas contam que Isabela estava de biquíni e subiu para andar de cima para dormir.

Uma amiga deu banho e colocou um lençol sobre a jovem. Pouco tempo depois, Leonardo, cunhado de William, entrou no quarto.

Leonardo foi encontrado nu ao lado de Isabela por William, o namorado da jovem. O flagra dos dois na cama faz com que inconformado com a possível traição, o suspeito tenha tido uma atitude agressiva e comece a espancar os dois jovens.

Tanto Leonardo quanto Isabela foram levados para o hospital.

Segundo o R7, Leonardo diz que não se recorda de nada. O jovem contou que em nenhum momento se lembra de ter tido relações com a moça, e que só subiu ao quarto para pegar um objeto, quando deu por si, já estava a confusão armada.

Suspeita de violência sexual

Durante a briga, a jovem tentou se esconder em um banheiro, mas ao abrir a porta foi lançada em um colchão em chamas, queimando assim 80% do corpo da vítima, vindo ao óbito pouco tempo depois.

A família da vítima acredita que a estudante foi vítima de dois crimes: o de homicídio e o de violência sexual. "Conheço a minha sobrinha, uma pessoa super decente com certeza a relação não foi consensual", disse a tia da vítima ao R7.

Dois crimes

Após a jovem ser retirada do local, o namorado da vítima continuou no sítio com várias mulheres. William foi preso em flagrante e vai responder por lesão corporal e homicídio. Já o outro homem, Leonardo, que segundo relatos da família tentou abusar da jovem, também foi levado para o Hospital Estadual de Francisco Morato.

Ao falar do namorado da sobrinha, a tia desabafa: "Apaixonada por um marginal" disse Luana de Oliveira em depoimento ao portal de notícias.

A família está em choque com o óbito da jovem por falência múltiplas dos órgãos, notícia divulgada nesta quinta - feira pela manhã. A prisão de William, que era temporária, passou para preventiva.

Não perca a nossa página no Facebook!