O prefeito de São Paulo, Bruno Covas (PSDB), deverá retornar ao hospital Sírio-Libanês na próxima segunda-feira (25) para a terceira aplicação de quimioterapia. Como nas fases anteriores, este procedimento deverá durar 30 horas. Covas vem se tratando de um câncer na região do estômago. O tumor maligno foi descoberto por um exame de laparoscopia exploratória no dia 27 de outubro. Desde então, o prefeito recebeu duas aplicações de quimioterapia. Na quinta-feira (14), Bruno Covas recebeu alta da equipe médica do Sírio-Libanês.

Essa equipe é coordenada pelo infectologista, David Uip. Conforme boletim médico do hospital, a alta só ocorreu após exames da segunda quimioterapia revelarem o bom estado de saúde desse paciente.

Bruno Covas se internou no hospital Sírio-Libanês dia 23 de outubro para tratamento de irisipela na perna direita. Esta infecção é causada pela bactéria estreptococo. A doença evoluiu para trombose e posteriormente transformou-se em tromboemolia pulmonar, até a detecção do câncer. Até o dia 25, o prefeito de 39 anos, estará sob recomendações da equipe médica, devendo controlar fadigas e evitar aglomeração de pessoas.

No Sírio-Libanês, além de David Uip, Bruno Covas vem sendo assistido pela equipe médica composta pelos especialistas: Roberto Kalil Filho, Artur Katz, André Echaine Vallensits, Raul Kutait, Túlio Eduardo Flech, Pififfere Agnelo Cavalheiro Filho.

Na volta ao trabalho, segunda-feira (18), o prefeito de São Paulo, maior cidade do País, voltou a despachar diretamente do seu gabinete, no Viaduto do Chá. No gabinete, Covas recebeu veículos de imprensa para entrevista coletiva, e também o governador do Estado de São Paulo, João Doria. Abordando eleições de 2020, o governador revelou sua vontade num trabalho conjunto entre Bruno Covas e a deputada federal, Joice Hasselmann (PSL-SP), com quem mantém amizade de longa data.

Bruno Covas agradece carinho

Ainda durante a entrevista coletiva, Bruno Covas agradeceu o carinho de amigos, conhecidos, políticos e dos meios de comunicação em geral.

Vai ficar por fora de assuntos como este?
Clique no botão abaixo para se manter atualizado sobre as notícias que você não pode perder, assim que elas acontecem.
Governo

Sobre projetos em andamento na capital, Covas adiantou que a prefeitura pretende empregar R$ 500 milhões em obras de recapeamento das vias públicas da cidade. O prefeito revelou também realizações conjuntas entre a prefeitura e o Governo do estado, como as obras dos hospitais de Ermelindo Matarazzo e de Parelheiros. A duplicação da Estrada M'Boi Mirim, também foi assunto do momento. Na coletiva, o governador João Doria informou também, que continuam as negociações com a empresa Liberty Media Corporation para manutenção do Grande Prêmio Brasil de Fórmula 1 em São Paulo.

Segundo Doria, os resultados dessas conversas deverão ser divulgados até março do ano que vem.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo