Uma atitude solidária em meio à proliferação da covid-19 emocionou coletores de lixo em Santos, litoral do estado de São Paulo. A carta dizia: ''Obrigada, vocês são um exemplo de amor e perseverança ao próximo. Obrigada por nos ajudar nesse momento tão difícil'. De acordo com informações, o bilhete foi escrito por uma criança de 11 anos.

A postagem foi publicada nas redes sociais pela própria esposa de um dos coletores, que foi identificada como Josefa Carvalho Santos, de 52 anos. Ela afirmou que o bilhete emocionou pelo fato do marido estar trabalhado normalmente em meio à pandemia da covid-19, correndo o risco de ser contaminado com o vírus.

"O serviço de coleta deles é muito essencial, ainda mais nesse momento de pandemia. Meu marido falou que o número de lixo triplicou porque as pessoas estão o tempo todo em casa por conta da quarentena'', argumentou Josefa.

Pelas redes sociais, a publicação está repercutindo positivamente pela iniciativa inocente da criança de 11 anos que não foi identificada. Muitos internautas continuam compartilhando o caso pelo fato da criança exercer uma atitude solidária em meio à proliferação da covid-19.

São Paulo e problemas com covid-19

O estado de São Paulo é o mais afetado pela covid-19. De acordo com informações do G1, cerca de 201 pessoas morreram nesse período de pandemia, onde 117 eram homens e 91 mulheres.

Com o grande número de mortes no estado, medidas extremas estão sendo adotadas pelos governantes paulista.

O governador João Doria informou pelas redes sociais que a participação da população paulista é fundamental no combate à covid-19. Doria pede para que todos fiquem em casa até que essa situação se amenize no estado. No momento, a maioria dos comércios do estado já não está mais funcionando.

As entidades governamentais paulistas aconselham os comerciantes a respeitarem a medida de quarentena e deixarem os estabelecimentos fechados, pois iria coibir ainda mais o avanço da covid-19 no estado de São Paulo. Para fiscalizar esses locais, a prefeitura conta com a participação de alguns fiscais para multarem os comerciantes que descumprirem com as medidas.

O Ministério da Saúde está fazendo campanhas pelas redes sociais com intuito de ajudar as pessoas que sentirem o sintomas da covid-19. De acordo com os profissionais da área da saúde, só é necessário ir a um hospital se os sintomas apresentarem uma dificuldade respiratória. Quem tiver com febre ou tosse, deverá permanecer em casa até que a doença se agrave. Essa é uma das formas para não deixar os hospitais lotados.

Siga a página Coronavirus
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!