Depois da história americana do casal de idosos que morreu de mãos dadas devido o coronavírus, na capital do Brasil, Brasília um casal morre com 14 horas de diferença. O casal morava no Gama e estava casado há 42 anos. José Ariston Nogueira de Lima tinha 69 anos, e sua esposa, Francisca Vieira Lima, 64 anos.

Filha do casal

Patrícia Vieira Lima, uma das três filhas do casal, relatou que o pai veio a óbito na última terça-feira (4), às 18h30, e mãe faleceu algumas horas depois, às 8h do dia seguinte. Em entrevista ao G1, Patrícia relatou que seus pais partiram deixando um grande ensinamento ao mundo, que o amor verdadeiro vai muito além da vida.

Ainda de acordo com Patrícia, ela e as irmãs acreditam que os pais cumpriram uma missão ao morrerem desta forma e que para ela toda a situação mostra que eles eram verdadeiras almas gêmeas.

Relacionamento

A bancária Patrícia contou que o relacionamento de seus pais teve início no ano de 1978. José teria saído para cobrar um aluguel para o tio na casa da mãe de Francisca. Foi quando José viu uma foto de Francisca e se apaixonou no mesmo instante.

O casal, que iniciou sua história de amor em Fortaleza (CE), vivia em Brasília desde 1979 e, de acordo com a filha, uma das coisas que mais adoravam era viajar juntos. A união de 42 anos gerou três filhas que afirmam que eles eram extremamente amorosos cuidadosos e dedicados.

Coronavírus

De acordo com os protocolos de Saúde relacionados a sepultamentos, por causa do risco de contaminação por coronavírus, em casos de mortes pela doença não podem ser realizados velórios, apenas o sepultamento é realizado com número limitado de pessoas e distanciamento social.

Desta forma, o casal foi diretamente sepultado juntos, no cemitério do Gama. Durante a tarde de quarta-feira (5), a família acompanhou o enterro de longe.

Recado da filha

Mesmo que a história de José e Francisca tenha sido comovente, a dor de perder um ente querido é muito dura, principalmente em casos de coronavírus onde até as despedidas são fora do padrão comum.

Patrícia deixou um recado a toda a população, para que preservem e cuidem da vida de todas as pessoas que amam enquanto podem.

Em desabafo e abalada com a morte dos pais, a bancária relembra a necessidade de que a população tenha todos os cuidados estabelecidos diante a pandemia de coronavírus, e que independente da idade, mesmo que as pessoas sejam jovens elas podem ser transmissoras para idosos, a quem referiu-se como o elo mais fraco.

Casos em Brasília

A capital do país registrou 33 óbitos nas últimas 24 horas, levando Brasília ao marco de 1.605 mortes causadas pela covid-19. O número de casos confirmados alcançou 115.966. Das regiões do DF, a maior concentração está em Ceilândia, onde já foram registrados 14.387 casos e 319 mortes.

Siga a página Coronavirus
Seguir
Siga a página Saúde
Seguir
Siga a página Ciência
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!