Segundo informações divulgadas pelos sites Daily Star e Mirror, um homem que alega ter trabalhado para uma agência pertencente ao governo do Reino Unido afirmou em vídeo publicado no YouTube que ele foi enviado em uma máquina do tempo para o ano de 8973.

Na filmagem divulgada pelo canal Apex TV, o indivíduo com sotaque britânico, que diz se chamar William Taylor, fez revelações um tanto curiosas a respeito de alguns temas, e garantiu que a Tecnologia que permite o deslocamento temporal será revelada para o público daqui apenas uma década, em 2028.

Depois de se apresentar no vídeo, Taylor declarou que era funcionário da Agência Britânica de Inteligência na década de 2000, e que existem muitas tecnologias extremamente avançadas sendo escondidas dos cidadãos – as quais foram obtidas depois que o governo de seu país recuperou destroços de naves extraterrestres que se acidentaram na Terra.

Então, em posse desses aparatos alienígenas, engenheiros obtiveram o conhecimento necessário para viajar pelo tempo, e também através de universos paralelos.

O mundo do futuro

William Taylor afirmou que o governo do Reino Unido conseguiu construir uma pequena máquina do tempo com capacidade para transportar apenas uma pessoa. O aparato, de formato esférico, teria uma espessura de 10 cm e seria composto de chumbo, para proteger o viajante em seu interior da radiação liberada no processo de deslocamento temporal ou dimensional.

O suposto agente alegou que em uma dessas viagens ele foi mandado para o ano 3000, pois o governo queria saber se a raça humana ainda existia naquela época. Neste episódio, enquanto ocorria o processo de locomoção, ele perdeu a consciência, e quando acordou olhou por uma janela existente na máquina e constatou que o céu, ao invés de azul, era vermelho.

Assim que saiu do dispositivo, o homem teria percebido que estava em uma grande cidade coberta de poluição atmosférica, na qual ninguém vivia no nível do solo – tudo o que ele pôde ver foi que havia transportes voadores flutuando a centenas de metros do chão, cujas luzes podiam ser percebidas através da névoa.

Prosseguindo com seu relato, Taylor disse que em 2005 fez um último trabalho para a Agência de Inteligência, e foi desta vez que ele viajou até 8973.

Nesta época futura, o homem teria chegado a uma espécie de parque com grama e algumas árvores, e o céu estava azul novamente.

Depois de sair da máquina do tempo, o agente afirmou que encontrou um grupo de pessoas com aparência estranha – todos eram altos e magros, com cabeças e olhos bastante grandes. Ele se aproximou desses indivíduos e lhes perguntou qual era o ano atual, e uma mulher lhe forneceu a espantosa data longínqua.

Posteriormente, o viajante acabou descobrindo que aquelas pessoas eram, na verdade, um tipo de combinação entre humanos e robôs, formando um ser que viveria eternamente.

Taylor diz que voltou para o ano de 2005 com muitas fotografias que provavam a sua aventura, mas as imagens teriam sido todas confiscadas pelo governo britânico.

A filmagem na qual o suposto agente relata suas viagens no tempo já conta com centenas de milhares de visualizações, e a maioria dos usuários do YouTube que fizeram comentários sobre o vídeo não acreditam na história, mas alguns acham que a narrativa pode ser verdadeira.

Assista ao relato de William Taylor (em inglês):

Siga a página Curiosidades
Seguir
Siga a página Tecnologia
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!