O presidente da Câmara dos Deputados [VIDEO], Rodrigo Maia, do partido Democratas, do Rio de Janeiro, vem aparecendo constantemente em entrevistas à imprensa e na mídia, em geral. O que o torna um dos principais nomes do cenário político nacional, que o coloca sob os holofotes no país, tratando-se do grau de importância, em relação ao cargo e influência alcançados pelo deputado federal, principalmente, por ser o próximo na linha de sucessão presidencial, abaixo somente do mandatário do país, Michel Temer, do PMDB de São Paulo.

Entretanto, conforme é retratado nos bastidores da política, o presidente da Câmara Federal, grande articulador político, também fez revelações contundentes a respeito de suas admirações no universo da política nacional e internacional.

Revelações do presidente da Câmara dos Deputados

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), afirmou enfaticamente, que admira muito um político paraguaio. Trata-se de Santiago Peña, de trinta e nove anos de idade. Rodrigo Maia se encontrou com o político do Paraguai, no final do ano de 2017 e não deixou de tecer elogios a ele, até então. Santiago Peña é um político que tentou a vaga de candidato à Presidência do Paraguai, como escolha do partido Colorado. Entretanto, Peña acabou derrotado no partido, pelo atual presidente da República, Horácio Cartes, que deverá disputar a próxima eleição presidencial paraguaia neste ano.

Vale ressaltar que Santiago Peña, alvo de fortes elogios por parte de Rodrigo Maia, possui formação econômica liberal e é formado em administração pública na Universidade Columbia, nos Estados Unidos.

O paraguaio já foi, inclusive, ministro da Fazenda do seu país e Maia planeja convidá-lo para que possa conversar com deputados federais brasileiros, em relação à importância da aprovação da reforma da Previdência Social no Brasil, vista como fundamental pelo Palácio do Planalto, para que possa, ao menos, estabilizar a situação das contas públicas, sem que prejudique a retomada do crescimento nacional.

Há um aspecto que pode medir a influência e capacidade de articulação política de Rodrigo Maia. Ele já é visto como um dos prováveis presidenciáveis, em se tratando da próxima disputa eleitoral para a Presidência da República. Nas últimas semanas, o presidente da Câmara dos Deputados tem demonstrado grande animação aos seus aliados e interlocutores, para entrar para a disputa de 2018, com vista a assumir o Palácio do Planalto. O político carioca reconhece, no entanto, que precisa arranjar um grande leque de apoiadores para que possa se firmar como candidato à Presidência da República neste ano.