O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva concedeu uma entrevista que irá ao ar nesta sexta-feira (16) pelo canal TVE Bahia e também pelos perfis da emissora no YouTube, Facebook e Twitter. Lula foi entrevistado pelo jornalista Bob Fernandes e falou sobre diversos assuntos. Ele ironizou o ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, dizendo que "o Departamento de Justiça americano manda mais no Moro que a mulher dele".

Segundo o petista, tudo o que está acontecendo no país é em decorrência da aproximação com os Estados Unidos.

Ele também criticou a Polícia Federal por, segundo ele, não ter tido coragem de pegar o telefone de Eduardo Cunha.

Na entrevista, o líder do PT também provocou os militares nacionalistas, perguntando aonde eles estão neste momento em que o país passa por cenário de tensão. Ele também criticou os trabalhos realizados pelo ministro da Economia, Paulo Guedes, dizendo que ele está acabando com a economia brasileira.

Deltan Dallagnol

Um dos desafetos do ex-presidente é o procurador da República e coordenador da força-tarefa da Lava Jato em Curitiba, Deltan Dallagnol.

O petista chamou o procurador de "moleque" e disse que o Conselho Nacional do Ministério Público deveria ter excluído Dallagnol dos serviços após ele ter dito em uma coletiva que tinha convicções de que Lula roubou, porém, conforme Lula disse, não tinha provas contra ele.

O petista disse que não quer progressão de pena e sim tentar mostrar que os responsáveis em julgá-lo e condená-lo é que são bandidos.

O ex-presidente disse que Moro agiu errado na Lava Jato. Uma recente revelação dos diálogos vazados mostram supostamente que o ex-magistrado orientou a Polícia Federal a não apreender o celular do ex-presidente da Câmara Eduardo Cunha.

Vai ficar por fora de assuntos como este?
Clique no botão abaixo para se manter atualizado sobre as notícias que você não pode perder, assim que elas acontecem.
Lava Jato Sergio Moro

Para o líder do PT, isso é estranho e, dessa forma, lembrou de quando a PF invadiu sua casa e levou vários aparelhos dele.

Ao entrar no assunto da Rede Globo, Lula disse que até o momento a emissora não citou conversas vazadas entre Moro e Dallagnol por não ter coragem. De acordo com Lula, a Globo é parcial na sua cobertura jornalística. Ele também disse que o canal carioca não teve coragem de lançar como candidato à presidência do Brasil o apresentador Luciano Huck.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo