O Ministro da Ciência, Tecnologia e Inovação, Marcos Pontes, anunciou na sexta-feira (26) o avanço no desenvolvimento da vacina nacional para Covid-19, financiada com recursos do Governo. Os pesquisadores envolvidos no desenvolvimento da vacina inclusive já deram entrada com pedido junto à Agência Nacional da Vigilância Sanitária (Anvisa) para realização de testes clínicos.

A vacina já ganhou até nome, que é Versamune-CoV-2F, com desenvolvimento encabeçado pelo pesquisador Célio Lopes Silva, da Universidade de São Paulo de Ribeirão Preto, em parceria com as empresas Farmacore Biotecnologia e PDS Biotechnology Corporation.

Nesse primeiro momento, devem participar inicialmente dos testes um grupo de 360 voluntários.

Vacina do Butantan contra Covid-19

O Instituto Butantan também anunciou na sexta (26) a produção-piloto da primeira vacina nacional, com previsão dos ensaios clínicos a serem realizados no mês de abril, mas ainda no aguardo da liberação por parte da Anvisa. O desenvolvimento da vacina nomeada de ButanVac não dependeria de insumos de fora, sendo sua produção toda feita pelo órgão paulista. Segundo relataram, testes em animais trouxeram resultados promissores para a vacina.

O Governador de São Paulo, João Doria (PSDB-SP), comemorou o anúncio do imunizante 100% nacional, e ressaltou a importância do Butantan e sua história no desenvolvimento de vacinas durante os seus 120 anos de história.

Anúncio das vacinas contra Covid-19 do governo federal e governo de SP

O dia foi marcado pelo anúncio de desenvolvimento de duas vacinas nacionais, uma por parte do governo gederal e outra pelo Butantan e governo de São Paulo. Questionado sobre o anúncio das duas vacinas no mesmo dia, o Pontes alegou uma "coincidência" de agenda, já que o anúncio já era planejado, e só aguardavaa entrada com pedido na Anvisa.

Não é novidade para ninguém que o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) e o governador João Doria (PSDB-SP) seguem em uma disputa política, sempre trocando farpas em pronunciamentos e questionamentos sobre a vacina.

Importância do desenvolvimento nacional das vacinas contra Covid-19

O mundo segue em busca de vacinas para vacinar suas populações, e com o Brasil não é diferente.

O desenvolvimento 100% nacional da vacina é muito importante para buscar de autossuficiência nesse quesito, e independência de vacinas ou insumos estrangeiros.

O avanço do desenvolvimento de vacinas nacionais possibilita ainda uma maior agilidade nas pesquisas de imunizantes de novas cepas, considerando que esse será um problema que precisaremos lidar por muitos anos ainda. Além de, obviamente, garantir vacinas a todos os cidadãos brasileiros.

Siga a página Coronavirus
Seguir
Siga a página Política
Seguir
Siga a página Saúde
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!