Nesta última terça-feira (16), uma dupla de policiais militares salvou a vida de um recém-nascido de apenas 21 dias. O caso, que aconteceu na cidade de Marília, interior de São Paulo, ganhou as manchetes do país e classificou os agentes como verdadeiros heróis.

Identificados como cabos Renato Taroco e Robson Thiago, os dois policiais eram responsáveis por fazer a segurança do quartel sediado no bairro Vista Alegre, quando em dado momento foram surpreendidos por uma série de gritos desesperados de um casal, que entrara no local sustentando um bebê desfalecido no colo.

Visivelmente desnorteado, o casal adentrou no quartel em pânico, clamando por socorro para seu filho. Em entrevista à equipe de jornalismo do portal UOL, o cabo Renato Taroco revelou que só conseguiu ouvir os pedidos de "salva meu filho" e quando se deu conta, o bebê desfalecido e visivelmente roxo já se encontrava em seus braços.

De acordo com o agente militar, o bebê havia engasgado em casa e por conta disso deixado de respirar, desfalecendo.

Os pais da criança, que residem a cerca de quatro minutos de distância do quartel da Polícia, no momento de desespero, resolveu pedir ajuda aos agentes de plantão da unidade policial.

Cabos conseguem salvar recém-nascido engasgado

Em um vídeo gravado pelo circuito interno de segurança do quartel da Polícia Militar de Marília, é possível ver o momento exato em que os pais chegam até o local carregando o bebê.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Polícia Curiosidades

Visivelmente aflitos, eles clamam por ajuda e entregam o recém-nascido de 21 dias aos agentes.

Ainda em seu relato ao UOL, o cabo Taroco revelou que durante a ação ele sugava tanto a boca como o nariz o bebê, enquanto seu parceiro, o cabo Robson Thiago, realizava massagem cardíaca na criança. O procedimento fora realizado cerca de duas vezes seguidas, mas sem sucesso.

Revelando ter sido acometido de um certo desespero, o cabo declarou que na terceira tentativa de reanimar o bebê, ele sentiu o coraçãozinho do mesmo bater em suas mãos.

De bruços, ao sentir os batimentos cardíacos do recém-nascido, o agente o olhou de frente e pòde ver o olhinho e a boca da criança abertos.

Após a ação, o bebê foi encaminhado a um hospital e em seguida levado para casa.

Na tarde desta quarta-feira (17), os cabos Taroco e Thiago fizeram uma visita à família e se encontraram com o bebê, que se chama Luís Henrique e é o primeiro filho do casal.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo