Após ser demitido, homem foi assaltado e teve seu dinheiro da rescisão perdido durante assalto. O fato aconteceu no Rio Grande do Norte. De acordo com informações cedidas pelo portal G1, a vítima identificada como Orlando Barbosa, havia sido demitido do seu emprego de carregador de frutas em Natal.

Com o dinheiro em mãos, o homem acabou deixando cair parte do valor do seu bolso. Sem perceber, ele continuou a sua trajetória até o seu destino, que era a sua residência. Chegando próximo de sua casa, ele acabou sendo surpreendido por alguns assaltantes, que levaram todos os pertences de valor, incluindo uma outra quantia que a vítima possuía no bolso.

Já sem esperanças, Orlando foi surpreendido após uma pessoa ter guardado o valor em dinheiro que ele havia perdido antes de ser assaltado. Pelas câmeras de monitoramento, foi possível identificar o exato momento em que uma pessoa pega o dinheiro e tenta procurar a pessoa que havia perdido, mas as buscas foram sem sucesso. O dono de uma loja de veículos usou as redes sociais para chegar até o dono do valor.

Cerca de R$ 2,5 mil foi devolvido. Mediante tal ato de solidariedade, Orlando ficou surpreso e contou que precisava do dinheiro para pagar as despesas mensais e guardar uma outra parte, tendo em vista que ele havia sido demitido. "É uma história muito doida e incrível. Dos males, o menor. Graças a Deus que acharam e me devolveram", comentou a vítima.

A Polícia Civil já colheu as imagens do assalto e irá investigar o caso com intuito de identificar os envolvidos no crime. Até o fechamento dessa matéria, nenhum dos envolvidos na ocorrência foram identificados.

Rio Grande do Norte

Em meio ao surto do novo coronavírus, autoridades governamentais informaram que houve uma redução considerável a respeito dos crimes de mão armada e pequeno furto.

Isso é consequência do pouco fluxo de pessoas nas ruas. Em relação à doença, foram registradas cerca de 34 vítimas e pouco mais de 700 casos confirmados do contágio.

Apesar de serem números bastante expressivos, o estado é um dos que mais se controla em razão da proliferação da pandemia. De acordo com informações do Ministério da Saúde, Rio de Janeiro e São Paulo são as regiões mais afetadas com o novo coronavírus.

Medidas de prevenção em relação ao coronavírus

Em razão das centenas de mortes, medidas de prevenção são realizadas por profissionais da área da saúde. É recomendado evitar lugares que possuem grandes números de pessoas, tendo como exemplo: supermercados e bancos. Apesar de a maioria dos comércios estar fechados, muitas lojas continuam a abrir.

Até o fechamento dessa matéria não tiveram informações a respeito da retomada das atividades profissionais no país. O atual presidente da república, Jair Messias Bolsonaro (sem partido), continua a sugerir parte da retomada das atividades profissionais, mas o Ministério da Saúde continua informando que o país não tem estrutura para tal ato, já que muitas mortes continuam sendo registradas

Siga a página Polícia
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!