Um crime foi registrado neste domingo (10), na BR-040, na altura de Santa Maria, no Distrito Federal. De acordo com informações do portal G1, um homem acabou sendo esfaqueado por um passageiro dentro de um transporte coletivo.

As vítimas que presenciaram o ocorrido informaram que o agressor teria percebido que um homem estaria supostamente tirando fotos sua. O agressor se sentiu incomodado e desferiu alguns golpes de faca para cima da vítima que não reagiu, mas acabou sendo gravemente ferida. Para conter que o crime fosse consumado, o motorista e o cobrador do ônibus tentaram intervir para apartar a briga, mas o conflito só chegou ao fim com a interrupção de um policial.

O agressor não teve a identidade revelada por questões de sigilo, mas a Polícia Rodoviária Federal (PRF) informou que o autor tem 40 anos. Por conta da gravidade do atentado, a vítima acabou sendo conduzida até uma UPA (Unidade de Pronto Atendimento), que fica localizada em Valparaíso. A vítima também não teve a identidade revelada, mas informações apontam que não foi necessário o procedimento cirúrgico.

Já o agressor foi preso e encaminhado para a 20.ª Delegacia de Polícia, no Gama. O caso foi registrado como tentativa de homicídio, onde o indivíduo irá responder o processo. Ainda não foi realizada uma sentença sobre o crime cometido.

Mulher é presa no Distrito Federal

Um outro crime também foi destaque na região do Distrito Federal.

Uma mulher que não teve a identidade revelada acabou sendo detida e encaminhada para delegacia após não usar a máscara. A cliente estava tentando entrar no estabelecimento sem o item, mas acabou sendo impedida pelos funcionários do supermercado.

Os próprios funcionários ligaram para a Polícia Militar e relataram o ocorrido.

A mulher foi encaminhada para a 5ª Delegacia de Polícia, na Asa Norte. Informações apontam que ela pagou uma multa e irá responder pelo crime em liberdade, tendo em vista que o delito é de menor potencial. O uso da máscara, em locais públicos, se tornou obrigatório em 30 de abril no Distrito Federal.

No entanto, as punições só começaram a valer nesta segunda.

O intuito dessa nova lei é prevenir que novas pessoas sejam contaminadas com o novo coronavírus. Por conta disso, o uso virou obrigatório para entrar em estabelecimentos comerciais, transportes públicos e até mesmo nas ruas. Ainda não tiveram informações de quantas pessoas foram presas e multadas por descumprirem as novas medidas criadas por autoridades governamentais.

Siga a página Polícia
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!