Astronautas da Nasa voltam a ser lançados de uma base norte-americana depois de nove anos, desta vez, em um foguete Falcon 9, da empresa SpaceX, cujo lançamento previsto para a quarta-feira (27), no Centro Espacial John F. Kennedy, Cabo Canaveral, na Flórida. O momento é envolvido com ansiedade e expectativa pelos EUA.

Para esta viagem espacial, os astronautas escolhidos são os veteranos Robet Behnken e Douglas Hurley. O detalhe que marca este lançamento de uma viagem tripulada ao espaço é que, nos últimos nove anos, a Nasa enviou tripulantes em naves lançadas de outros países, em missões internacionais.

O lançamento do foguete depende ainda das condições climáticas no momento previsto. A iniciativa também marca o primeiro lançamento tripulado de um foguete da SpaceX.

Desta vez, os astronautas norte-americanos seguirão para a Estação Espacial Internacional ISS, onde farão pesquisas.

Astronautas experientes

Um dos escalados para a nova missão, o astronauta Robert Behnken viu a Terra do espaço pela primeira vez em 2008. Sua primeira missão foi integrar uma equipe de trabalho na ISS. Calcula-se que Behnken acumula mais d 1500 horas de voo em cerca de 25 tipos de aeronaves. É astronauta desde 2000. sua segunda ida ao espaço foi em 2010.

Outro tripulante que segue a bordo da nave da Spacex, Hurley passou 15 dias do ano 2000 a bordo da nave Endeeavor.

Sua incumbência era pilotar o ônibus espacial. Possui mais de 5 mil horas de voos em 25 tipos de aeronaves.

Hurley também esteve presente no ônibus espacial Atlantis, em 2011. Ele foi nomeado diretor assistente do programa comercial de tripulação.

Com a missão, a Nasa volta a ocupar as manchetes depois das notícias de que teria descoberto evidências a respeito de um suposto universo paralelo, desmentido logo em seguida, porém, pelo pesquisador-chefe do estudo.

Riscos para os astronautas

A Tecnologia também é alvo de dúvidas. O novo lançamento será mais um teste para a Ciência espacial. A Nasa temeu por riscos da viagem em um veículo da SpaceX. Autoridades técnicas das duas empresas espaciais realizaram vários encontros para discutir e prevenir possíveis problemas que poderiam acontecer durante o voo.

O motivo principal das discussões ficaram em torno da segurança e condições dos paraquedas da Crew Dragon, a cápsula que vai abrigar os astronautas.

Diante dos questionamentos, funcionários da Nasa realizaram pesquisas para decidir se autorizariam ou não a inclusão de seus astronautas na missão.

A empresa SpaceX entra para a história com seus lançamentos de foguetes reutilizáveis. É o caso do Falcon 9, a primeira nave de classe orbital e que pode ser utilizada novamente. Possui dois estágios e foi projetada para transportar de modo seguro e confiável, tanto pessoas quanto cargas úteis.

A capacidade de reutilização dos veículos aeroespaciais permite que a SpaceX aprimore as partes mais caras do foguete, o que reduz o custo do acesso ao espaço.

Será a primeira vez que astronautas serão lançados ao espaço através da Falcon 9.

Siga a página Tecnologia
Seguir
Siga a página Ciência
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!