A volta do futebol no Brasil deve demorar mais um pouco. Os clubes das Série A e B decidiram nesta terça-feira (14) em reunião na CBF que as férias dos atletas devem ser estendidas por mais dez dias.

A maioria dos clubes optou por estender as férias dos atletas em virtude da pandemia do coronavírus e de seu impacto no futebol. Não houve votação para definir o procedimento que os times farão para poder voltar a treinar, com aqueles que desejam retornar mais cedo podendo voltar no próximo dia 21.

Futebol brasileiro terá férias até maio

A data do final das férias dos jogadores pode ficar para o começo de maio, segundo a nova recomendação dos clubes.

O que deve adiar ainda mais a chance de que os campeonatos do Brasil possam ser retomados ou iniciados já nos próximos dias.

No entanto, existe a preocupação com o futuro dos clubes e jogadores assim que as férias se encerrarem. Sérgio Sette Câmara, presidente do Atlético-MG, falou ao Globoesporte.com e demonstrou tal preocupação.

"A ideia é aumentar para mais 10 dias. Isso vai acontecer não só com o Atlético, mas com todos os clubes. Até por orientação da própria CBF, da Comissão Nacional dos Clubes. Mas, depois, a partir de 1 de maio, essas férias acabam e aí, como é que vai ser? A tendência é a licença remunerada, mas até quando os clubes conseguirão pagar essas licença remunerada é o "xis" da questão, relatou o presidente do Galo.

A tendência é de que a grande parte dos clubes brasileiros estenda o período de férias dos jogadores pelos dez dias decididos.

Entidades estaduais querem volta do futebol

A incerteza diante do coronavírus não faz com o futuro deixe de ser planejado.

No Rio de Janeiro, o Campeonato Carioca pode ter sua volta planejada nos próximos dias. A FERJ (Federação de Futebol do Rio de Janeiro) está planejando um protocolo que evite contaminação com o coronavírus.

Outro estadual que planeja sua volta é o Paulistão. O presidente da Federação Paulista de Futebol, Reinaldo Carneiro Bastos, disse ao Fox Sports que o Paulista 2020 será concluído, mas não deu pistas de como tal conclusão será dada.

Isto deve ser dado nesta quarta-feira (15), em reunião com os clubes.

Com a incerteza sobre a volta das competições por causa da pandemia, com a Libertadores não tendo prazo certo para retomar seus jogos, interrompidos após duas partidas da fase de grupos.

Futebol sem torcida?

Uma das discussões que tem sido tomadas é a de realizar ou não jogos sem torcida. De acordo com o UOL, há a proposta de que o Brasileirão possa ser começado já durante o período de quarentena, sem presença da torcida e com os jogos todos no estado de São Paulo, além da volta do mata-mata.

Tal proposta teria sido aceita por todos os times, exceto o Flamengo, atual campeão brasileiro. Oficialmente, a CBF não tem praticamente nenhuma proposta certa de como será o campeonato e de quando ele começará.

Siga a página Futebol
Seguir
Siga a página Palmeiras
Seguir
Siga a página Corinthians
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!