Durante esse período de pandemia da covid-19, muitos países estão sendo afetados diretamente. Dentre eles, está o México, onde diversas pessoas estão tendo dificuldades para se alimentar, tendo em vista que a maioria das atividades profissionais está suspensa. De acordo com informações do site da revista IstoÉ, traficantes de drogas e armas estão auxiliando nessas campanhas solidárias.

Cestas básicas e itens de higiene são os materiais que estão sendo doados pelos criminosos. Muitas famílias estão indo até o local de distribuição para pegar os insumos, tendo em vista a dificuldade de se manterem nesses dias de quarentena.

Mediante tais atos solidários, o atual presidente do México, Andrés Manuel López Obrador, se pronunciou a respeito do caso nesta última segunda-feira (20).

Através de suas coletivas de imprensa, e até mesmo por meio de notas, Andrés informou que as pessoas de bem não podem aceitar ajudas vindo de traficantes, tendo em vista da procedência duvidosa dos alimentos doados. “Ajudam ao parar com a delinquência, ao amar o próximo e a não prejudicar ninguém. Ajudam ao acabar com os confrontos e mortes”, comentou o presidente mexicano. “Não se trata de filantropia. Trata-se de fraternidade, verdadeira solidariedade”, finalizou.

O ato de solidariedade está sendo alvo de bastante repercussão nas redes sociais, a qual muitas pessoas se posicionam a favor das ajudas e outras pessoas se posicionam contrárias.

México

Assim como os demais países da América do Norte, o México está sendo afetado diretamente com a pandemia da covid-19. De acordo com informações apresentadas da OMS (Organização Mundial da Saúde), 712 pessoas morreram em decorrência da doença. Outros 8.772 casos foram registrados nesse período de quarentena e 2.627 pessoas conseguiram se recuperar da covid-19.

A maioria dos mexicanos está acatando as ordens impostas por entidades governamentais. Mesmo com tamanhos cuidados com a proliferação do vírus, muitas mortes continuam sendo registradas no país nesses últimos dias. Autoridades do governo informaram que a situação do país mediante a covid-19 é bastante delicada, tendo em vista que o vírus continua avançando no território mexicano.

Covid-19 e prevenção

Até o presente momento, não existem medicamentos e nem vacinas para coibir o contágio do novo coronavírus. Diante disso, a Organização Mundial da Saúde publica boletins informativos de como se prevenir da doença, tendo em vista que o vírus se prolifera pelo ar e também pelo contato físico. É recomendado evitar lugares de grande fluxo de pessoas e também sempre estar protegido do vírus com máscaras e luvas cirúrgicas.

Siga a página Coronavirus
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!