O atual presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, disse no final da tarde dessa quinta-feira (26), que o brasileiro precisa ser "estudado" porque é capaz de pular "no esgoto" sem que nada aconteça com ele.

Bolsonaro deu a declaração ao ser indagado se o Brasil não chegará à situação dos Estados Unidos, que, após um mês, se tornou o país com mais casos da doença Covid-19 no mundo, com mais de 82 mil infectados e mais de mil mortos em razão do coronavírus.

Sobre o respectivo caso, Jair Bolsonaro afirmou que existem diversos brasileiros que já foram infectados e adquiriram anticorpos, o que, afirmou, "ajuda a não proliferar isso daí".

"Eu acho até que muita gente já foi infectada no Brasil, há poucas semanas ou meses, e ele já tem anticorpos que ajuda a não proliferar isso daí", afirmou. Sobre as respostas ditas pelo atual presidente, muitas pessoas foram contrárias pelas redes sociais, informando que o país precisa priorizar o coronavírus para que ele não se propague ainda mais.

Coronavírus e mortes

Atualmente, o proliferação do coronavírus é presente em todos os países. Na Itália, quase 1.000 pessoas estão morrendo diariamente em decorrência do vírus. As autoridades locais informaram que já não tem como controlar a proliferação do vírus no país, mas que medidas preventivas estão sendo tomadas para que o vírus não se prolifere ainda mais.

De acordo com algumas informações, os aeroportos do país estão proibidos de aceitarem viagens internacionais.

O intuito é prevenir a população local e também os estrangeiros que chegam. Dados mostram que a maioria das vítimas do vírus são pessoas de idade com mais de 60 anos. O atual presidente da Itália, Sergio Mattarella, informou que o país não tem data para voltar à normalidade.

Segundo falácias do presidente, a situação é extremamente crítica.

Até o presente momento, o Brasil registra 92 mortes em relação ao vírus. Esse número pode aumentar ainda mais nas próximas horas, já que existem muitas pessoas com suspeita de infecção.

Medidas de prevenção

Como não há métodos como vacina para eliminar o vírus, medidas de prevenção estão sendo adotadas e informadas por meio das mídias digitais para toda a população mundial.

De acordo com especialistas, o vírus se propaga rapidamente pelo ar. Com isso, locais de muita aglomeração deverão ser evitados, tendo como exemplo festas e casas de shows.

Também é recomendado para que as pessoas utilizem o álcool em gel com frequência, pois elimina ainda mais os riscos de contágio do coronavírus. Evitar também contato físico como: abraços, apertos de mãos e beijos.

Seguindo esses métodos de prevenção, segundos especialistas, evitam ainda mais a proliferação do vírus. Atualmente, muitos países decretaram estado de quarentena, inclusive o Brasil.

Para o presidente, 'muita gente já foi infectada' e por isso, segundo ele, adquiriu anticorpos que ajudam 'a não proliferar isso daí'.

Ele pretende usar hotéis ociosos para isolar idosos.

Siga a página Coronavirus
Seguir
Siga a página Jair Bolsonaro
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!