O apresentador da Band José Luiz Datena estava cotado para ser vice na chapa de Bruno Covas (PSDB), atual prefeito de São Paulo, que disputará as Eleições deste ano buscando a reeleição.

Segundo informações do portal UOL, Datena, que faz parte do MDB, deve anunciar nesta tarde a desistência da candidatura. Ainda de acordo com o UOL, o projeto de Datena e de seu partido é a disputa por uma vaga no senado Federal nas próximas eleições de 2022.

Rádios e televisões

A partir desta terça-feira (11), nenhum candidato às eleições de 2020 pode apresentar programas que sejam veiculados em canais de rádio ou televisão.

O fato do apresentador não ter comparecido à rádio nesta manhã para apresentar o programa "Manhã Bandeirantes" acabou criando rumores e suspense em torno da candidatura.

Ainda de acordo com o UOL, Datena deve apresentar o programa "Brasil Urgente" na tarde desta terça-feira, o que o tira definitivamente da "candidatura", e durante a transmissão do programa na Band ele deve anunciar formalmente a sua decisão.

MDB

O partido MDB teria como plano inicial a candidatura do apresentador ao senado, por acreditar que sua figura é mais talhada ao senado Federal do que ao cargo de vice-prefeito, inclusive o próprio Datena já manifestou em outras ocasiões o desejo de ser senador, porém não abordou o tema recentemente em conjunto com as eleições municipais.

As informações do partido foram concedidas através de uma fonte envolvida nas negociações de candidatura do apresentador pelo UOL.

'Brasil Urgente'

No fim do programa desta segunda-feira (10), Luiz Datena se despediu do público usando o termo até amanhã. A rede Band de televisão não realizou nenhuma declaração sobre o apresentador, porém fontes informam que a direção dos programas não gostariam de perder os serviços de Datena neste momento.

No caso de candidatura, o período de afastamento seria de pelo menos três meses.

Tucanos

A desistência de Datena para vice-prefeito causa certo alívio no PSDB. Os tucanos acreditam que a grande influência e popularidade do apresentador poderia garantir uma vitória para Covas ainda no primeiro turno, repetindo o ano de 2016 onde Doria teve a maior votação em primeiro turno desde a redemocratização.

Analisado por outro ponto de vista, Datena poderia ser um problema para Covas devido sua explosividade e personalidade polêmica, que poderiam causar uma instabilidade política com o risco de Datena renunciar o cargo em qualquer situação.

O apresentador chegou a revelar em uma entrevista a Cátia Fonseca que se entrasse na carreira política e descobrisse que nada poderia fazer, daria uma bicuda e sairia fora. Datena ainda disse que mostraria todos que o impedissem de exercer suas obrigações, os corruptos e os que não valem nada. Datena já decidiu entrar na carreira política e depois voltou atrás em diversas ocasiões.

Siga a página Famosos
Seguir
Siga a página Eleições
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!