O alerta vermelho com relação à dengue está ligado em Goiás. Isso porque foram registrados mais de 25 mil casos da doença só este ano no Estado. São 11 cidades com suspeita de 19 óbitos motivados pela dengue: 7 em Goiânia, 3 em Posse e cidades como Caldas Novas, Morro Agudo, Ceres, Formosa, Rio Verde, São Luís do Norte, Silvânia, Senador Canedo e Turvânia registram um óbito cada.

O município de Ouvidor, com apenas 6 mil habitantes, já registra 178 casos, números considerados extremamente alarmantes para uma cidade deste porte.

A Secretaria de Estado da Saúde de Goiás explicou ao site E Mais Goiás que, mesmo com esse alto índice, houve uma queda de 10% se comparando ao ano passado, mas acredita que os números de novos casos subirão exorbitantemente nas próximas semanas.

O coordenador-geral de combate ao Aedes aegypti, Marcello Rosa, chama a atenção de toda a população do Estado ao informar que está predominando nos casos da doença com o sorotipo 2, que é o caso mais grave, e solicita a todas as pessoas que destruam os possíveis criadouros do mosquito transmissor.

Rosa disse também que é de suma importância aumentar a guerra contra o mosquito em todo o Estado, e ressalta que é importante que cada cidadão combata toda semana os possíveis criadouros.

São 25.509 casos em Goiás

O coordenador-geral de combate ao aedes aegypti pede a todos para não dar moleza para esse "vilão". O mosquito têm hábitos diurnos e também transmite diversas outras doenças além da dengue, tais como: Chikungunya, Zika e febre amarela.

Sua reprodução acontece em seu acasalamento, até mesmo no vôo, e também em superfície.

Vai ficar por fora de assuntos como este?
Clique no botão abaixo para se manter atualizado sobre as notícias que você não pode perder, assim que elas acontecem.
Saúde Natureza

A fêmea precisa de sangue para oferecer nutrientes para os seus ovos, que só se desenvolvem na água. Por esse motivo, é importante não deixar água acumulada, nem mesmo em pequenas superfícies como tampinhas de garrafa.

Sintomas da Dengue

Os sintomas duram de 5 as 7 dias e podem aparecer de 3 a 15 dias após a picada do aedes aegypti infectado.

Sintomas principais:

  • Febre de 39 a 40 Graus;
  • Dor de cabeça forte;
  • Dor atrás dos olhos;
  • Manchas e erupções na pele;
  • Muito cansaço;
  • Dores no corpo e moleza;
  • Dores nos ossos e articulações;
  • Náuseas e vômitos;
  • Tontura;
  • Falta de apetite e paladar.

Já os sintomas da dengue hemorrágica são iguais aos da clássica, a diferença é que a febre diminui ou acaba no terceiro ou quarto dia e aparecem sangramento na pele e órgãos internos.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo