Em meio à proliferação da covid-19, policiais militares do estado do Rio de Janeiro fizeram um movimento de solidariedade para agradecerem todos os profissionais da área da Saúde que estão trabalhando de forma árdua, diuturnamente, para fazer o tratamento dos enfermos que tiveram o contágio do novo coronavírus.

Essa homenagem se estendeu pelos maiores hospitais do estado, contabilizando 17 ao todo, onde os policiais posicionaram as viaturas em forma de reverência, onde alguns militares falaram a importância que eles possuem em meio a sociedade. Todos os profissionais da área da saúde ficaram surpresos por essa homenagem inesperada.

De acordo com algumas informações, o intuito foi motivar ainda mais os profissionais que estão trabalhando firme para tratar as pessoas vítimas da covid-19. Esse caso está sendo bastante repercutido de forma positiva nas redes sociais, onde muitos internautas ficaram contentes com a iniciativa da Polícia Militar do estado do Rio.

Covid-19

O Rio de Janeiro é o segundo estados que possui mais vítimas do coronavírus, atrás apenas de São Paulo. Por isso, o governador Wilson Witzel fez um pronunciamento informando que o estado irá permanecer em quarentena por mais 15 dias. Com isso, novas medidas irão ser tomadas referente as pessoas que se encontram em situação de rua.

O sambódromo, local onde é realizado o desfile das escolas de samba, irá servir de base para que moradores de rua possam ficar abrigados e sem correr risco de contágio do coronavírus.

Ainda não é possível estimar quantas pessoas serão abrigadas no local, mas o governador informou que todas as necessidades serão atendidas a eles, tendo como exemplo a alimentação.

Outras medidas de precaução estão sendo tomadas por governantes do estado. Informações revelam que muitos comércios já não se encontram abertos devido à quarentena que foi proposta por entidades governamentais.

Para fiscalizar, a prefeitura disponibilizou alguns profissionais da área de fiscalização para penalizar com multas os comerciantes que descumprires as ordens impostas pelo atual governo.

Até o presente momento, o Brasil registra 141 mortos. De acordo com o Ministério da Saúde, esses números poderão aumentar ainda mais ao longo dos dias, já que existem muitas pessoas em situação critica devido às consequências do vírus.

Siga a página Coronavirus
Seguir
Siga a página Polícia
Seguir
Siga a página Saúde
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!