Durante uma entrevista à rádio O POVO/CBN, nesta última quinta-feira (23), o ex-presidente do Brasil, Luiz Inácio Lula da Silva (PT), argumentou a respeito dos problemas envolvendo o novo coronavírus e também comentou sobre o político Ciro Gomes.

"Se ele está tentando transformar o PT no inimigo, vai perder o [lado] dele e não vai conquistar o lado de lá. Ele [Ciro Gomes] deveria saber que o inimigo dele não é o PT”, comentou Lula se referindo ao político Ciro Gomes.

Apesar das diferenças políticas, o ex-presidente do Brasil informou que o PT não é um inimigo de Ciro Gomes. Recentemente, o ex-candidato à presidência também se mostrou contrário às decisões do atual Governo referente à pandemia do novo coronavírus.

Lula e coronavírus

Após deixar a prisão, o ex-presidente está bastante participativo nos problemas do país. Ultimamente, Lula está usando o Twitter, onde se comunica com seus apoiadores e dá seu ponto de vista diante de alguns assuntos pertinentes ao país.

Com a proliferação do novo coronavírus, Lula informou que novas medidas de isolamento social deveriam ser tomadas, pois essa seria a maneira mais eficaz para evitar o contágio do vírus. O ex-presidente também criticou a atuação do atual chefe do executivo, Jair Bolsonaro (sem partido).

De acordo com as ideias de Lula, o atual presidente da república não está preocupado com a saúde da população brasileira, tendo em vista que Bolsonaro quer retomar parte das atividades profissionais em meio a pandemia do novo coronavírus.

Pelo Twitter, Lula informou que o país está passando por uma situação bastante delicada, mas não é coerente retomar os trabalhos, tendo em vista que muitas mortes continuam sendo registradas.

Lula e manifestações contra Bolsonaro

Pelo fato do atual presidente não estar tomando decisões coerentes, segundo Lula, membros do PT (Partido dos Trabalhadores) pretendem realizar um ato de repúdio ao atual presidente.

O movimento contra Bolsonaro será realizado nos próximos dias, mas não se tem informações de como irá ser realizado esse ato. No momento, muitas pessoas da oposição usam a '#ForaBolsonaro', com intuito de mostrar repúdio às atitudes do atual presidente.

Bolsonaro e pandemia

Desde as primeiras mortes em decorrência do contágio do novo coronavírus, Bolsonaro sempre se posicionou contrário em razão da paralisação das atividades profissionais e também dos fechamentos de comércios.

Recentemente, o presidente disse em uma entrevista coletiva de imprensa que a retomada das atividades trabalhistas é fundamental, tendo em vista que a economia do país poderá ser afetada negativamente.

Siga a página Coronavirus
Seguir
Siga a página Governo
Seguir
Siga a página Lula
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!