O atual chefe do Executivo federal, Jair Bolsonaro (sem partido), está sendo alvo de uma possível manifestação por parte de dirigentes do Partido dos Trabalhadores (PT). De acordo com informações da colunista Bela Megale, do jornal O Globo, o ex-presidente Luiz Lula Inácio da Silva (PT) participou de uma reunião com o deputado Rogério Corrêa através das redes sociais, onde eles conversaram sobre os problemas do Brasil e também sobre as ações de Bolsonaro diante da pandemia do novo coronavírus.

Ainda segundo a colunista, um grupo do partido vem pedindo há cerca de duas semanas que o PT encampe o “Fora Bolsonaro”.

Diante disso, um possível movimento contra as ações de Bolsonaro poderá ser realizado nesse próximo sábado, mas não foram informados quais meios serão empregados.

De acordo com informações da colunista Bela Megale, apesar de não estar definido se a legenda apresentará um pedido de impeachment, o departamento jurídico já levantou uma lista com os possíveis crimes de responsabilidade que teriam sido cometidos pelo atual presidente da República nesse período de pandemia do coronavírus.

A publicação realizada no Twitter do deputado Rogério Corrêa conta com 121 curtidas e quase 60 comentários.

Até o fechamento dessa matéria, Bolsonaro ainda não havia se pronunciado a respeito do caso.

Partido dos Trabalhadores

Semanas atrás um procurador eleitoral aceitou a denúncia em extinguir o PT (Partido dos Trabalhadores). De acordo com algumas informações, a ação tem como base depoimentos colhidos pela operação Lava Jato contra o partido.

Segundo esses depoimentos, o partido recebeu recursos ilícitos de origem estrangeira, o que violaria o inciso I do art. 28 da Lei dos Partidos Políticos.

Até o momento, a decisão judicial sobre o partido ainda está em análise. Muitos apoiadores do partido continuam fazendo movimentos nas redes sociais para que o partido não seja instinto no país.

Lula e Bolsonaro

O ex-presidente do Brasil está bastante participativo nas decisões do Brasil durante esse período de proliferação do novo coronavírus. O petista tem usado bastante as suas redes sociais para expressar suas opiniões a respeito de Bolsonaro. Dias atrás, Lula fez uma publicação no Twitter informando que as decisões tomadas pelo atual chefe do Executivo não eram válidas. O petista também se posicionou a respeito da demora do envio dos auxílios emergenciais para alguns brasileiros.

Desde o período em que Bolsonaro era deputado federal, ele nunca foi favorável às ideias de Lula. Até o presente momento, ambos continuam trocando farpas pelas redes sociais. O presidente também usou seu Instagram para rebater uma crítica do ex-prefeito da cidade de São Paulo Fernando Haddad.

Coronavírus

Rio de Janeiro e São Paulo são os estados que mais estão sendo afetados pela doença. O RJ registrou 422 mortes, enquanto SP apresenta números superiores, com 1.037 vítimas fatais em decorrência da complicação do novo coronavírus.

Ambos os estados permanecem seguindo as recomendações impostas pelo Ministério da Saúde, mas as mortes continuam a avançar.

Siga a página Jair Bolsonaro
Seguir
Siga a página Política
Seguir
Siga a página Lula
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!