Donald Trump

Donald Trump foi o 45° presidente dos EUA, tendo cumprido seu mandato entre 20 de janeiro de 2017 e 20 de janeiro de 2021.

Uma das figuras mais controversas dentre os grandes líderes mundiais, Donald Trump foi o 45° presidente dos Estados Unidos da América. Ele assumiu o cargo no dia 20 de janeiro de 2017, deixando o poder em 20 de janeiro de 2021.

Trump foi eleito em 2016 pelo Partido Republicando, derrotando a candidata Hillary Clinton, do Partido Democrata. Sua eleição se deu pelo maior número de votos obtidos por delegados do colégio eleitoral.

1.De onde veio a fortuna?

Donald John Trump nasceu em 14 de junho de 1946, no Queens, um dos cinco distritos da cidade de Nova York. Depois de se formar bacharel em economia pela Universidade da Pensilvânia, recebeu de seu pai, Frank Trump, o controle da empresa de imóveis e construção Elizabeth Trump & Son, posteriormente rebatizada de The Trump Organization. Acumulou fortuna construindo escritórios, hotéis, cassinos e campos de golpe ao redor do mundo.

2.Está demitido?

Entre 1996 e 2015 foi dono do concurso de beleza Miss USA, fez curtas apresentações em filmes e séries, mas ficou mesmo conhecido ao produzir e apresentar o reality show "The Apprentice", que no Brasil foi produzido pela TV Record com o nome de "O Aprendiz", tendo como apresentadores Roberto Justus e João Doria. Curiosamente, Doria também ingressou na carreira política, sendo eleito prefeito de São Paulo e depois governador.

Em 2016, pouco antes de ser eleito presidente, a revista Forbes listou Trump como a 324ª pessoa mais rica do mundo e a 113ª nos Estados Unidos, com um patrimônio de cerca de US$ 4,54 bilhões.

3.Carreira politica

Trump ensaiou sua primeira entrada na política ainda nos anos 2000, quando tentou receber a nomeação presidencial do Partido Reformista, mas retirou-se antes do início da votação.

Quinze anos depois, em junho de 2015, anunciou que seria um dos postulantes à presidência dos EUA pelo Partido Republicano. Posteriormente os outros interessados em concorrer ao cargo pelo partido foram retirando suas candidaturas e ele foi formalmente nomeado candidato a presidente na Convenção Nacional Republicana.

4.Não teve mais votos, mas levou

Mesmo não tendo mais votos populares, em 8 de novembro de 2016, Trump ganhou a presidência, com 306 votos de delegados do colégio eleitoral contra 232 recebidos por Clinton. Trump tornou-se o quarto candidato dos Estados Unidos a ganhar o colégio eleitoral, apesar de receber menos votos populares que seu oponente.

5.Fim de mandato

Donald Trump concorreu a um segundo mandato como presidente dos Estados Unidos nas eleições de 2020. Seu oponente na disputa foi o democrata Joe Biden, que representou o estado de Delaware no Senado americano de 1973 a 2009 e atuou como vice-presidente de 2009 a 2017, durante o governo Barack Obama.

A disputa foi marcada por dois grandes eventos: a pandemia da COVID-19 e a ascensão do movimento Black Lives Matter após o assassinato de George Floyd por um policial branco. Trump foi acusado em várias ocasiões durante seu mandato de não condenar claramente os movimentos da supremacia branca. Em relação à pandemia, Trump é acusado de subestimar a gravidade da ameaça do coronavírus, opondo-se constantemente à aplicação de medidas de distanciamento social e ao uso de máscaras faciais.

Como em todo o seu mandato, o período eleitoral também foi marcado por uma série de notícias falsas, principalmente sobre a confiabilidade da votação por correio e o processo eleitoral americano como um todo. Poucas horas depois da eleição de 3 de novembro, com os votos ainda sendo contados, Trump declarou sua vitória no pleito e pediu que a contagem fosse interrompida.

Com o pedido de Trump negado e todos os votos contados, Joe Biden confirmou sua vitória em 14 de dezembro, acumulando 306 votos do Colégio Eleitoral, contra 232 do então presidente.

Trump não aceitou a derrota e iniciou uma batalha legal para reverter o resultado. Sem apresentar qualquer evidência de que a eleição foi fraudada, Trump acabou tendo sua derrota confirmada pelo Congresso dos EUA em 6 de janeiro, não sem antes instigar seus partidários a invadir o Capitólio, sede do Legislativo federal americano, deixando 5 mortos.

Em 13 de janeiro, Trump se tornou o primeiro presidente na história dos EUA a sofrer impeachment duas vezes, depois de ser acusado de "incitamento à insurreição" devido ao ataque ao Congresso. Joe Biden foi empossado como 46º presidente dos Estados Unidos em 20 de janeiro de2021, em uma cerimônia que não contou com a presença de Trump.

Quem segue o canal Donald Trump?

Roberto Wagner Roberto Wagner Samuel izidoro Paulo Branicio Katianne Linhares Romailton Pimentel Grasiela Nogueira
author-avatar

Atila França

author-avatar

Atila França

author-avatar

Bruno Fuschini

author-avatar

Henri

author-avatar

Bruno Fuschini

author-avatar

Bruno Fuschini

author-avatar

Marcos Leite

author-avatar

Bruno Fuschini

author-avatar

Atila França

author-avatar

Bruno Fuschini

author-avatar

Erasmo Carlos

author-avatar

Atila França

author-avatar

Atila França

author-avatar

Bruno Fuschini

author-avatar

Atila França

author-avatar

Atila França

author-avatar

Marquinhos Silva

author-avatar

Atila França

author-avatar

Atila França

author-avatar

Atila França

author-avatar

Lourdes Aparecida De Oliveira

author-avatar

Bruno Fuschini

author-avatar

Bruno Fuschini

author-avatar

Bruno Fuschini

author-avatar

Atila França

author-avatar

Atila França

author-avatar

Bruno Fuschini

author-avatar

Atila França

author-avatar

Tô Curioso

author-avatar

Ironeagle Mp

author-avatar

Tô Curioso

author-avatar

Atila França

author-avatar

Erasmo Carlos

author-avatar

Ironeagle Mp

author-avatar

Bruno Fuschini

Este canal conta com a curadoria do nosso especialista
splnews
Contributor
Content Manager at Blasting News
Sugerir uma correção